Selecione a Cronologia pelas Cores

Filtro das Cores

18 mar. 1822 – O avô paterno de Jung chega a Basiléia para trabalhar como médico.

21 dez. 1842 – Nascimento do pai de Jung.

06 maio 1856 – Sigmund Freud nasceu em Freiberg (atualmente Pribor), na Morávia.

17 out. 1856 – Nasceu Bertha Schenk, mãe de Emma.

1860 – Freud mudou-se para Viena.

1860 – Mandado reformar o hospital Burghölzli. Seu autor foi o clínico Wilhelm Griesinger (1817-1868).

1861 – Paul Broca (1824-1880) descobriu um centro da linguagem no hemisfério esquerdo do córtex.

1869 – Francis Galton (1822-1911) estudou as diferenças individuais e aplica o conceito de adaptação seletiva de Darwin à evolução das raças.

08 abr. 1869 – Casamento de Johann Paul Achilles Jung com Emilie Preiswerk em Basel, na catedral Münster (pais de Jung).

04 jul. 1870 – Inauguração do hospital Burghölzli.

1870 até 1872 – Bernhard von Gudden (1824-1886) foi diretor do hospital Burghölzli.

19 de jul 1870 – Aborto de uma irmã de Jung.

1870 até 1871 – Guerra Franco-Prussiana.

03 de abr 1872 – Aborto de uma irmã de Jung.

1873 – Depressão econômica.

18 de ago 1873 – Aborto de um irmão de Jung.

1873 – Wilhelm Wundt (1832-1920) escreveu o livro “Princípios de Psicologia Fisiológica”, em Heidelberg.

1873 até 1874 – Gustav Huguenin (1840-1920) foi diretor do hospital Burghölzli.

1875 – Primeira aula de William James (1842-1910), em Harvard, sobre psicologia.

1875 – Fundação da Sociedade Teosófica.

1875 até 1879 – Eduard Hitzig (1839-1907) foi diretor do hospital Burghölzli.

26 jul. 1875 – Carl Gustav Jung nasceu em Kesswil, no lago Constança/Konstanz (Bodensee), cantão da Turgóvia/Thurgau, Suíça. Foi o quarto filho (os 03 primeiros não sobreviveram), levou o nome de Karl Gustav II Jung.

1876 – Criado o laboratório de Psicologia experimental de William James, em Harvard.

1876 – Criado o laboratório de Psicologia experimental de Wilhelm Wundt, em Leipzig.

Jan. 1876 – Jung, com seis meses de vida, mudou-se para o presbitério do castelo de Schloss Laufen, nas cataratas do rio Reno, bairro de Dachsen-am-Rheinfall, cidade de Schaffhausen.

17 ago. 1876 – Estreou a ópera de Richard Wagner (1830-1896), “O Crepúsculo dos Deuses”.

1878 – Separação temporária dos pais de Jung.

1878 – A mãe de Jung foi internada no Hospital de Friedmatt, para doentes mentais, na Basiléia.

1879 – A família de Jung foi morar em Klein-Hüningen (atualmente um bairro), perto da Basiléia/Basel, Cantão de Basel-Land.

1879 – Wilhelm Wundt criou o Instituto de Psicologia Experimental, em Leipzig.

1879 até 1898 – Auguste-Henri Forel (1848-1931) foi diretor do hospital Burghölzli.

1879 – Francis Galton (1822-1911) propôs o primeiro teste de associação verbal no trabalho “Antecâmara da Consciência”.

1881 – Freud formou-se em medicina.

1881 – Wilhelm Wundt criou a revista “Estudos Filosóficos”, em Leipzig.

1881 – Nascimento de Olga Fröbe-Kapteyn.

1881 – A mãe de Jung leu para ele um livro com religiões exóticas, “Imagens do Universo”, de Johann Amos Comenius (1592-1670).

1881 – Jung fez uma excursão a Arlesheim. Não esqueceu do vestido da mãe com meias-luas verdes.

1881 – Jung foi para a escola primária.

1881 – Jung começou a estudar latim com o pai.

1881 – Sonho com o ‘falo’ no subterrâneo. Jung teria 04 anos segundo o livro “Memórias Sonhos Reflexões” (MSR, pág. 25).

1882 – Nasce Emma Rauschenbach, sua futura esposa.

1882 – Frederick William Henry Myers (1843-1901) fundou a Sociedade de Pesquisas Psíquicas, em Londres.

1882 – Stanley G. Hall (1844-1924) inaugurou seu Laboratório de Psicologia, nos EUA.

1882 até 1884 – Jung fez jogo de pensamentos sentado na sua pedra (MSR, pág. 32).

1882 – Jung adoeceu de Crupe.

1882 até 1884 – Jung sentia-se sufocado no ambiente familiar.

1882 até 1884 – Jung gostava de brincar com fogo.

1883 – Erupção do vulcão Krakatoa, na Indonésia.

1883 – Jean-Martin Charcot (1825-1893) obtém da Academia ‘Francesa de Ciências’ o reconhecimento do tratamento pela hipnose.

17 jul. 1884 – Nasce a irmã de Jung, Johanna Gertrude.

1885 – Jung esculpiu um homenzinho de madeira (Telésforo ou Cabiro).

1885 – Hermann Ebbinghaus (1850-1909) publicou os primeiros estudos experimentais sobre a memória.

1885 – Nasce Sabina Spilrein.

1885 – Freud foi a Paris estudar com Charcot.

13 set. 1886 – Freud casou-se com Martha Bernays (1860-1945).

1886 – Jung interessou-se pela ideia de Deus.

1886 – Jung frequentou o ginásio/liceu na Basiléia.

Verão 1887 – Jung teve uma ‘imaginação ativa’ do Deus que defecava na cúpula da igreja de Münsterplatz, Basel (Basiléia). (MSR, pág. 45).

Verão 1887 – Jung teve um acidente, bateu com a cabeça, desenvolve uma neurose. Ficou 06 meses sem ir a escola.

1887 – Jung foi mandado para Winterthur para recuperar-se.

1887 – Jung era constrangido pela mãe devido ao seu comportamento.

1887 – Primeiro encontro entre Freud e Wilhelm Fliess (1858-1928), em Viena.

1888 – O pai de Jung tornou-se capelão do hospital psiquiátrico Friedmatt, em Basel.

1888 – Nasceu em Berna, Toni (Antonia) Wolff.

1888 – Hippolyte Bernheim (1840-1919), em Nancy, escreveu que todos são sujeitos à hipnose.

1888 – “Agora eu sou eu”. Jung tomou consciência de si.

1888 – Jung teve um incidente num barco com um amigo. Jung tem consciência das suas personalidades que chamou de “nº 1 e nº 2”.

1889 – Nasce Mary Esther Harding, na Inglaterra.

1889 – Jung foi mandado para Entlebuch, por ordens médicas, para recuperar-se. Depois da alta foi a Lucerna com o pai, tomou um vapor até Vitznau (as margens do Stättersee), depois subiu o monte Rigi e foi ao passo Gotthard.

1890 – William James publica nos EUA o livro “Princípios da Psicologia”.

25 mar. 1890 – Nasce Jolande Szejacs Jacobi, em Budapeste, Hungria.

1890 – Jung leu sobre a Lenda do Graal.

1890 – Jung briga com 07 colegas.

1890 – Primeira Comunhão de Jung.

1891 – Jung foi apelidado de Patriarca Abraão.

1891 até 1894 – Jung estudou: Pitágoras (580-500 a.C.), Heráclito (540-480 a.C.), Empédocles (490-430 a.C.), Platão (428-348 a.C.), Meister J. Eckhart (1260-1327), Immanuel Kant (1724-1804), Arthur Schopenhauer (1788-1860), Johann Jakob Burckhardt (1818-1897) e Friedrich Nietzsche (1844-1900).

1891 – Jung viajou para Sachseln e Flüeli-Ranft.

1891 – Jung teve o primeiro confronto com o cristianismo.

1891 – Jung leu o “O Fausto”, de Johann W. von Göethe (1749-1832).

1891 – Jung escreveu um trabalho sobre Fausto e o professor disse ser uma fraude.

1891 – Nasce Linda Fierz-David.

1892 – Troca de cartas entre Freud e Eugen Bleuler (1857-1939).

1892 até 1894 – Jung incrementou as discussões com o pai.

08 jul. 1892 – Fundação da APA (American psychology Association).

1893 – Morre Jean-Martin Charcot.

1893 – Freud escreve: “Estudos sobre a Histeria”.

1893 – Emil Kraepelin (1856-1926) lança nova edição do seu livro “Manual de Psiquiatria” e define “Demência Precoce”.

1894 – Jung ficou atraído por ciências naturais, história, filosofia e arqueologia (Egito e Babilônia).

1895 – Sonho desenterrando ossos. (MSR, pág. 83).

1895 – Sonho do radiolário gigante. (MSR, pág. 83).

1895 – Freud publica, junto com Joseph Breuer, “Estudos sobre a Histeria”.

18 abr. 1895/1900 – Jung frequenta “Estudos de Filosofia II de Ciências Naturais” e depois medicina, na Universidade da Basiléia.

18 maio 1895 – Jung entrou para a Sociedade Zofingia (Zofingiaverein).

1895 até 1900 – Jung estudou na Sociedade Zofingia: Jacob Burckhardt, Johann J. Bachofen (1815-1887), Schopenhauer e Kant.

Jun. 1895 – Jung frequentou a primeira sessão espírita com: sua mãe, Helene Preiswerk (12/13 anos), Louise e Emmy Zinstag (total de 03 encontros).

Verão 1895 – Jung viajou com o pai a região vinícola de Markgrafen com a Sociedade Zofingia.

28 jan. 1896 – Morte do pai de Jung, Johann Paul Achilles Jung.

1896 – Sonho da vela acesa e a sombra perseguindo. (MSR, pág. 86).

Mar. 1896 – Sonhos com o pai. (MSR, pág. 93).

1896 – Freud criou o termo Psicanálise.

1896 – Jung viu pela primeira vez sua esposa Emma (então com 14 anos).

1896 – Jung leu vários livros sobre espiritismo, entre outros: Johann Karl Friedrich Zoellner (1834-1882) e William Crookes (1832-1919).

1896 – Jung leu “Os sonhos de um iluminado”, de Kant, assim como: Karl du Prel (1830-1899), Karl August von Eschenmayer (1768-1852), F. Johann C. Passavant (1790-1857), Justinus Kerner (1786-1862), Joseph von Goerres (1776-1848), Emanuel Swedenborg (1688-1772) e Ernst Haeckel (1834-1919).

1896 – Jung mudou-se para o bairro de Bottmingen no distrito de Binningen, em Basel.

28 nov. 1896 – Jung proferiu a primeira palestra na Sociedade Zofingia, “A zona fronteiriça da ciência exata”. Até janeiro de 1899 profere mais 03 palestras.

1897 até 1898 – Jung tornou-se presidente do Clube Zofingia.

Maio 1897 – Jung proferiu a segunda palestra na Sociedade Zofingia, “Alguns pensamentos sobre psicologia”.

1897 – Jung leu Immanuel Kant (1724-1804), Eduard von Hartmann (1842-1906) e Carl G. Carus (1789-1869) com mais profundidade.

1897 – Jung retornou aos encontros espíritas com Helly (Helene).

1897 – Primeiro Congresso Sionista Internacional, na Basiléia.

1897 – Freud deixou de ministrar cursos na faculdade.

1897 – Encontro entre Freud e Wilhelm Fliess (1858-1928). Tema da repressão.

1898 – Ocorreram dois fenômenos paranormais na casa de Jung, uma mesa rachou e depois uma faca quebrou-se em 04 pedaços.

1898 até 1927 – Eugene Bleuler (1857-1939) foi diretor do hospital Burghölzli.

1898 – Edward Lee Thorndike (1874-1949) desenvolve alguns dos primeiros estudos experimentais sobre a aprendizagem animal.

1898 – Jung pensou em ser cirurgião e depois clínico, por motivos financeiros.

1898 – Jung começou a ler Nietzsche de forma mais abrangente.

1898 – Jung proferiu a terceira palestra na Sociedade Zofingia, “Pensamentos sobre a Indagação Especulativa”.

1898 – Jung iniciou os estudos preliminares que irão compor a sua dissertação/tese de 1902. Organizou mais sessões espíritas com sua prima Helene Preiswerk (15 anos).

Jan. 1899 – Jung proferiu a quarta (4ª) e última palestra no Clube Zofingia. “Algumas considerações sobre a interpretação do Cristianismo”.

Jul. 1899 até outono 1900 – Período das sessões espíritas com Helene (segundo Jung).

1899 – Lançamento da 6ª (sexta) edição do “Manual de Psiquiatria”, de Emil Kraepelin.

04 nov. 1899 – Publicado o livro de Freud, “A Interpretação dos Sonhos”.

1900 até 1904 – Franz Riklin (1878-1938) foi estudar Psicologia Experimental com Emil Kraepelin (1856-1926) e Gustav Aschaffenburg (1866-1944), em Munique, usando o método de Associação livre de Sir Francis Galton (1822-1911).

Ago. 1900 – Desentendimento entre Freud e Fliess, em Achensee.

1900 – G. Theodor Ziehen (1862-1950), em Berlim, usou as ideias de Galton e cunhou o termo ‘Complexos’.

1900 – Théodore Flournoy (1854-1920) publica o estudo sobre Helene Smith, pseudônimo de Catherine-Élise Müller, “Da Índia ao Planeta Marte”.

1900 – Théodore Flournoy cunhou o termo ‘criptomnésia’.

1900 – Jung leu o ‘Manual de psiquiatria’ de R. von Krafft-Ebing (1840-1902), professor de Viena, (impressionado com os termos: subjetivo e personalidade).

Nov. 1900 – Jung completou os exames estaduais em medicina.

01 dez. até 09 dez. 1900 – Jung foi de férias para Stuttgart e Munique. Foi assistir a sua primeira Ópera (Carmen de Bizet).

10 dez. 1900 – Jung foi trabalhar com Eugen Bleuler, médico assistente (segundo) do Hospital Psiquiátrico de Burghölzli (Clínica Psiquiátrica da Universidade de Zurique).

1900 – Jung leu 50 revistas médicas sobre psiquiatria (“Revista Geral de Psiquiatria”), em 06 meses (uma em cada 04 dias).

1900 – Jung leu a “Interpretação dos Sonhos” de Freud e não entendeu.

25 jan. 1901 – Primeiro escrito de Jung; “Sigmund Freud: Sobre os Sonhos”. Provável preleção aos colegas depois de ler o livro de Freud.

27 out. 1901 – Internado no Burghölzli (Clínica Psiquiátrica da Universidade de Zurique) o paciente Emile Schwyser (1862-1931), o homem do falo solar.

1901 – Jung relatou o caso da jovem mãe (sua paciente) que deu água contaminada para os filhos.

1901 até 1930 – Período em que Jung foi Oficial Médico do Exército Suíço.

1901 – Publicado o livro de Freud, “Psicopatologia da Vida Cotidiana”.

Mar. 1902 – Freud foi nomeado ‘Professor Titular’ na Universidade de Viena.

Out. 1902 – Início das reuniões das 4ª feiras com Freud, Alfred Adler (1870-1937), Max Kahane (1866-1923), Rudolph Reitler (1865-1917) e Wilhelm Stekel (1868-1940). Daí surgiu a denominação de “Sociedade Psicológica Quarta-feira”.

Out. 1902 – Freud voltou a dar aulas na Faculdade de Medicina.

1902 – “Sobre a psicologia e patologia dos fenômenos chamados ocultos”. Volume I.

1902 – “Um caso de estupor histérico em pessoa condenada à prisão”. Volume I

17 jul. 1902 – Jung apresentou a tese de doutorado em medicina.

1902 – Jung foi nomeado Primeiro Assistente (Assistente Sênior), no Burghölzli.

01 out. 1902 até 1903 – Jung foi a Paris para estudar, no Semestre de inverno, com Pierre Janet (1859-1947), na Salpétrière. Nesta ocasião teve encontros com Alfred Binet (1857-1911).

1903 – “Distimia Maníaca”. Volume I.

1903 – “Sobre a Simulação de Distúrbio Mental”. Volume I.

14 fev. 1903 – Jung casa-se com a jovem Emma Rauschenbach (1882/1955), filha de um rico industrial de Schaffhausen.

1903 até 1905 – Jung foi ‘Médico Voluntário’ na clínica psiquiátrica de Zurique.

1903 – Bleuler e Jung começaram o interesse por Freud.

1903 – Jung releu a “Interpretação dos Sonhos”, de Freud, agora entendeu.

1904 até 1914 – Jung teve 5 filhos. Quatro filhas e um filho: Agathli (Niehus), Grethli (Baumann), Franz (Merker), Marianne (Niehus) e Helene (Hoerni).

1904 até 1905 – Jung montou um “Laboratório de Psicopatologia Experimental”, no Burghölzli. Baseado no modelo de Wundt e Galton.

1904 até 1905 – Jung realiza seus ‘Estudos das Associações de Palavras’, com Franz Riklin (1878-1938), Ludwig Binswanger (1881-1966), Carl Peterson ( – ) e Charles Ricksher (1879-1943).

17 ago. 1904 até 01 jun. 1905 – Internação de Sabina Spielrein (1885-1934). Ela veio de Rostov (Rússia) perto do Don.

Abr. 1904 – Eugene Bleuler (1857-1939) escreveu uma resenha favorável a um artigo de Freud, no livro de Leopold Löwenfeld (1857-1923), “Obsessões Psíquicas”.

1904 – Em Havard, James Jackson Putnam (1846-1918) usava a Psicanálise.

1904 – Publicado em Viena, o livro de Otto Binswanger, intitulado “Sobre a Histeria”.

Outono 1904 – Palestra de Riklin, na Sociedade dos Médicos Suíços, sobre “Complexos de Ideias Marcadas por Sentimentos”.

Dez. 1904 – Karl Abraham (1877-1925) chega para ser Assistente no Burghölzli.

12 dez. 1904 – Conferência de Freud na Sociedade Médica de Viena, sobre a Psicoterapia.

26 dez. 1904 – Nasceu a filha de Jung, Agathli.

1904 – “Erros histéricos de Leitura”. Volume I.

1904 – “Parecer Médico sobre um caso de simulação de insanidade mental”. Volume I.

1904 – “Investigações Experimentais sobre associações de pessoas sadias”. Volume II.

1905 – Jung visitou a Catedral de Santo Estevão em Viena.

Fev. 1905 – Jung profere conferência no Bernoullianum, Basiléia.

1905 – Otto Rank (1884-1939) conhece Freud.

1905 – Alfred Binet (1857-1911) e Theodore Simon (1872-1961) desenvolvem o primeiro teste de inteligência.

1905 – Franz Rinklin vai ser diretor do Hospital Psiquiátrico, em Rheinau.

1905 – Freud publica: “O chiste e sua relação com o inconsciente”; “Dora”; e “Três ensaios sobre sexualidade”.

Abr. 1905 – Otto Rank (1884-1939) leu a “interpretação dos Sonhos”.

Abr. 1905 – Sabina Spilrein inscreve-se na Faculdade de Medicina em Zurique.

Abr. 1905 até 1909 – Jung foi nomeado Médico Chefe (Médico Sênior ou Oberarzt) da Clínica Psiquiátrica do hospital Burghölzli, Universidade de Zurique.

Jun. 1905 – Segundo caso em que Jung aplicou a psicanálise.

Out. 1905 – Jung defendeu tese para Livre Docência.

21 out. 1905 até abr. 1914 – Jung foi aprovado como Privatdozent (Livre docente / conferencista) na Faculdade de Medicina de Zurique (Lente em psiquiatria em Burghölzli).

21 out. 1905 – Jung profere aula inaugural na faculdade.

Out. 1905 até 1914 – As aulas de Jung tratavam de psicologia, das psiconeuroses, psicopatologia, psicologia dos primitivos, hipnotismo, Pierre Janet e Flournoy.

1905 – “Análise das Associações de um Epiléptico”. Volume II.

1905 – “Sobre fenômenos espíritas”. Volume XVIII/1.

1905 – “Criptomnésia”. Volume I.

1905 – “Sobre o diagnóstico Psicológico de Fatos”. Volume I.

1905 – “O Tempo de Reação no experimento de Associações”. Volume II.

1905 – “Observações Experimentais sobre a Faculdade da Memória”. Volume II.

1905 – “O Diagnóstico Psicológico da Ocorrência”. Volume II.

08 fev. 1906 – Nasceu a filha de Jung, Grethli.

1906 – Ivan Pavlov (1849-1936) publica os resultados dos seus estudos sobre o condicionamento clássico.

1906 – Reunião das 4ª feiras com Freud, Adler, Max Kahane, Rudolph Reitler e W. Stekel. Passou a contar com 17 membros.

1906 – Otto Rank é designado para secretário da Sociedade Psicológica de Viena.

18 abr. até 21 abr. 1906 – Segundo 2º Congresso Alemão de Psicologia Experimental, Wurzburg.

18 abr até 21 abr. 1906 – O Dr. Otto Veraguth, de Zurique, apresentou suas experiências que denominou “reflexos galvano-psicofísicos”, no 2º Congresso Alemão de Psicologia Experimental, Wurzburg.

1906 – Sonho do cavalo puxando a tora. (O. C., Vol. III, parág. 123)

1906 – Jung concluiu os estudos sobre “Associação de Palavras”.

1906 – Jung apresentou o caso da senhora com uma perna paralítica. Sua primeira cura importante.

1906 – Jung envia a Freud seu trabalho: “Estudos de Diagnóstico de Associação”.

1906 – Jung defendeu Sigmund Freud num Congresso em Baden-Baden, antes de tê-lo conhecido pessoalmente.

Jul. 1906 – Jung escreveu o prefácio de “Sobre a Psicologia da Demência Precoce”.

11 abr. 1906 – Começou a correspondência Jung/Freud. Primeira carta de Freud para Jung.

05 out. 1906 – Primeira carta de Jung para Freud.

1906 – “A Importância Psicopatológica do Experimento de Associações”. Volume II.

1906 – “Um Terceiro e Conclusivo Parecer sobre dois Pareceres Psiquiátricos contraditórios”. Volume I.

1906 – “Psicanálise e o Experimento de Associações”. Volume II.

1906 – “Dados Estatísticos de um Recrutamento”. Volume II.

1906 – “Associação sonho e sintoma histérico”. Volume II.

1906 – “A Teoria de Freud sobre a Histeria”. Volume IV.

23 jan. 1907 – Max Eitington conhece Freud.

1907 – “A Psicologia da Dementia Praecox: um ensaio”. Volume III.

1907 – “Distúrbios de Reprodução no Experimento de Associações”. Volume II.

1907 – “Sobre os epifenômenos Psicofísicos no Experimento de Associações”. Volume II.

1907 – “Investigações Psicofísicas com o Galvanômetro e Pneumógrafo em Pessoas normais e Doentes Mentais”. Volume II.

1907 – “Pesquisas adicionais sobre o fenômeno Galvânico, Pneumográfico e a respiração em Pessoas normais e Doentes Mentais”. Volume II.

03 mar. 1907 (Domingo) – Jung encontrou-se com Freud em Viena. Conversam das 10 horas até as 23 horas, durante 13 horas. (Jung fala em fevereiro e das 13 às 2 da manhã)

1907 – Jung viajou a Itália.

1907 – Jung defendeu Freud em um artigo de revista.

15 abr. 1907 – Criada a Sociedade Psicanalítica de Viena.

1907 – Abraham A. Brill (1874-1948) fez um estágio em Paris, na Salpetriere.

04 set. e 05 set. 1907 – Primeiro Congresso Internacional de Psiquiatria e Neurologia – Amsterdã.

04 set e 05 set. 1907 – Jung proferiu a conferência “A Teoria freudiana da Histeria”.

Nov. 1907 – Jung formou um pequeno grupo de estudos chamado Grupo Freud.

25 nov. 1907 – Ernest Jones (1879-1958) visitou Jung em Zurique.

26 nov. 1907 – Jung profere conferência na Reunião de Outono da Associação Médica Cantonal, Zurique.

15 dez. 1907 – Karl Abraham (1877-1925) conheceu Freud.

16 jan. 1908 – Jung proferiu conferência na Câmara Municipal de Zurique, “O Conteúdo da Psicose”, falou sobre Babette S.

02 fev. 1908 – Sandor Ferenczi (1873-1933) conheceu Freud.

26 abr e 27 abr. 1908 – Primeiro Congresso Internacional de Psicanálise (Congresso de Psicologia Freudiana), em Salzburgo, 42 participantes.

1908 – Recensão da palestra de Otto Rank, “Dementia Praecox”. Volume XVIII/1.

1908 – “A teoria freudiana da Histeria”. Volume IV.

1908 – “O estado atual da psicologia aplicada”. Volume XVIII/1.

1908 – “Novos Aspectos da Psicologia Criminal”. Volume II.

1908 – “O conteúdo da Psicose”. Volume III.

27 abr. 1908 – Ernest Jones conheceu Freud em Salsburg.

Maio 1908 – Jung tratou de Otto Gross (1877-1920). Trocaram análises.

1908 – Jung comprou um terreno em Küsnacht, no lago de Zürich.

1908 até 1925 – Foi secretária de Jung sua irmã Gertrud.

Jun. 1908 – Começaram os encontros de Jung e Sabina Spielrein.

Ago. 1908 – Jung recebeu a visita de Adolf Meyer (1866-1950).

18 set. até 21 set. 1908 – Freud visitou Jung em Zurich e se hospedou no Burgholzli.

28 nov. 1908 – Nasceu o filho de Jung, Franz.

1909 – Jung começou a estudar mitologia e gnosticismo.

1909 – Jung leu “Simbolismo e Mitologia dos Povos Antigos” de Friedrich Creuzer (1771-1858).

Fev. 1909 até 1913 – Jung foi nomeado Redator chefe do “Jahrbuch für Psychoanalytische und Psychopathologische Forschungen”, fundado por Freud e Bleuler.

Mar. 1909 – Publicação do primeiro número do Jahrbuch – Jung foi o editor.

25 mar. até 30 mar. 1909 – Jung visitou Freud em Viena. Barulho na estante durante conversa sobre ocultismo.

Mar. 1909 – Jung deixou de ser psiquiatra em Burghölzli (cargo de médico chefe).

Abr. 1909 – Jung fez um passeio de bicicleta por catorze (14) dias na Itália, com Wolff Stockmayer. Passou por Pávia, Arona, Tessin e Faido.

25 abr. 1909 – Oskar Pfister (1873 – 1956) conheceu Freud.

Jun. 1909 – Jung mudou-se para Künascht.

1909 – Jung abriu sua clínica particular em Küsnacht, Seestrasse n.º 1003 (depois 228 – a partir de 1915).

1909 – “A importância do pai no destino do indivíduo”. Volume IV.

1909 – “Sobre os conflitos da Alma Infantil”. Volume XVII.

1909 – “A Análise dos sonhos”. Volume IV.

1909 – Recensão do livro de Isidor Sadger, “Konrad Ferdinand Meyer. Um estudo psicológico e patográfico”. Volume XVIII/1.

1909 – “O Método das associações”. Volume II.

1909 – Recensão do livro de Louis Waldstein, “O eu inconsciente e sua relação com a saúde e a educação”. Volume XVIII/1.

1909 – “A Constelação Familiar”. Volume II.

1909 – Sonho da casa com vários pavimentos que deu a ideia de Inconsciente Coletivo. (MSR, pág. 143)

Jun. 1909 – Sabina Spielrein escreveu para Freud.

1909 até 1910 – Jung teve um caso com Sabina Spielrein.

1909 – Primeira experiência registrada de Jung com a imaginação ativa.

1909 – Jung começou a tratar de Johann Jakob Honegger Jr. (1885-1911).

20 ago. 1909 – Jung encontrou-se com Freud e Ferenczi, em Bremen.

20 ago. 1909 – Freud desmaia com as histórias dos cadáveres dos pântanos, em Bremen.

21 ago. 1909 – Embarcam (os três – Jung, Freud e Ferenczi) no navio ‘George Washington’ para Nova Iorque, onde chegam em 29 de agosto.

04 set. 1909 – Embarcam (os três – Jung, Freud e Ferenczi) para Worcester, em Massachusetts, juntos com E. Jones e A. A. Brill.

Ago. até set. 1909 – Jung fez sua primeira viagem aos Estados Unidos, duração de 07 semanas, com Freud e Ferenczi, por ocasião do vigésimo aniversário da Clark University, em Worcester (Massachusetts). Foram recebidos por Granville Stanley Hall. Na foto histórica: Abraham Arden Brill, Alfred Ernest Jones, Sandor Ferenczi, Sigmund Freud, Granville Stanley Hall e Carl Gustav Jung.

11 set. 1909 – Jung recebeu o título de Doutor honorário da Clark University.

06 set. até 11 set. 1909 – Jung proferiu três palestras nos Estados Unidos.

   1 – “O Método das associações”. Vol. II, parág. 939.

   2 – “A Constelação Familiar”. Vol. II, parág. 999.

   3 – “Sobre os conflitos da Alma Infantil”. Vol. XVII, parág. 01.

13 set. até 17 set. 1909 – Jung visitou Adirondacks que pertencia as famílias Putnam e Bowditch.

21 set. 1909 – Embarcam (os três – Jung, Freud e Ferenczi) no navio “Kaiser Wilhelm der Grosse” de volta para Bremen.

28 set. 1909 – William James escreve: “O simbolismo é um método muito perigoso”.

29 set. 1909 – Jung chegou em Bremen vindos dos EUA.

1909 até 1911 – Sabina Spilrein escreveu um diário.

Nov. 1909 – Encontro de Inverno de Psiquiatras Suíços, em Zurique.

Jan. 1910 – Jung proferiu palestra sobre Simbolismo para estudantes de ciências. Fala de Inconsciente Coletivo.

Jan. 1910 – Toni Wolff fez a primeira consulta com Jung.

09 mar. 1910 – Jung realizou a segunda viagem para os EUA. Embarcou em Cherbourg. Foi para Chicago fazer uma consulta com McCormick.

28 mar. 1910 – Jung desembarcou de volta em Cherbourg.

1910 – Jung lembrou do Cabiro no estojo quando leu sobre o ‘caches de pedras da alma’, em Arlesheim.

29 mar. 1910 – Jung chegou a Nuremberg, via Paris e Colônia.

30 mar. e 31 mar. 1910 – Segundo Congresso Internacional de Psicanálise em Nuremberg.

30 mar. e 31 mar. 1910 – Jung proferiu a conferência “Relatório sobre à América”.

30 mar. e 31 mar. 1910 – Johann Jakob Honegger Jr. (1885-1911) proferiu uma palestra em que fala do caso Emile Schwyser (1862-1931).

31 mar. 1910 – Fundação da Associação Psicanalítica Internacional. Com 52 membros e filiais em Berlin, Viena e Zurich.

31 mar. 1910 até 1914 – Jung foi eleito primeiro presidente da Associação Psicanalítica Internacional.

31 mar. 1910 – Fundado grupo de Berlin por Karl Abraham, com 09 membros.

Abr. 1910 – Fundado grupo de Viena, por Alfred Adler, com 24 membros.

16 maio 1910 – Reunião de primavera dos Psiquiatras Suíços, em Herisau.

16 maio 1910 – Jung falou sobre a Srta. Frank Miller.

Jun. 1910 – Fundado grupo de Zurich, por Ludwig Binswanger, com 19 membros.

Verão de 1910 – Jung proferiu um curso na Universidade de Zurique, intitulado: “Introdução a Psicanálise”.

Ago. 1910 – Jung viajou por quatro (04) dias no lago de Constança com A. Oeri e mais 03 médicos. Foram até Walenstadt. Leu a Odisseia de Homero.

Ago. 1910 – Primeiro Congresso da Sociedade Internacional de Psicologia Médica e Psicoterapia, com August Forel.

20 set. 1910 – Sabina Spielrein entregou sua dissertação a Jung pessoalmente.

20 set. 1910 – Nasceu a filha de Jung, Marianne.

1910 – “Os Métodos Psicológicos de Pesquisa utilizados na clínica Psiquiátrica de Zurique”. Volume II.

1910 – “Contribuição à Psicologia do boato”. Volume IV.

1910 – “A Respeito da crítica à Psicanálise”. Volume IV.

1910 – Jung leu o papiro Mitraico do vento solar.

02 out. 1910 – Jung fez um passeio de bicicleta por catorze (14) dias na Itália, com Wolff Stockmayer (1881-1933). Passou por Pávia, Arona, Tessin e Faido.

26 nov. e 27 nov. 1910 – Reunião de Inverno dos Psiquiatras Suíços, Berna.

26 nov. e 27 nov. 1910 – Jung fez uma observação intitulada: “Sobre a Ambivalência”.

16 dez. 1910 – Jung proferiu palestra sobre a Srta. Miller, em Zurique, na Sociedade Psicanalítica.

24 dez. 1910 – Encontro de Freud e Bleuler, em Munique. Bleuler entrou para a Associação Psicanalítica Internacional.

25 dez. 1910 – Encontro de Jung e Freud, em Munique.

16 jan. até 19 jan. 1911 – Exames finais de Sabina Spilrein.

1911 – Congresso de Psiquiatras em Lausanne.

1911 – Jung conheceu Hans Schimd-Guisau.

11 fev. 1911 – Sabina Spilrein entrega a dissertação de formatura de medicina.

12 fev. 1911 – Fundado grupo dos EUA, por Abraham A. Brill, com 21 membros. Primeiro presidente foi James Jackson Putnam.

22 fev. 1911 – Alfred Adler (1870-1937) e Wilhelm Stekel (1868-1940) pediram demissão da presidência da Sociedade Psicanalítica de Viena.

Mar. 1911 – Fundado o grupo psicanalítico de Munique, por Leonhard Seif (1866-1949), com 06 membros.

1911 – Quantidade de associados dos demais Grupos:

   1. Berlim – 12 membros.
   2. Viena – 38 membros.
   3. Zurique – 29 membros.

Mar. 1911 – Sabina Spielrein formou-se em medicina.

28 mar. 1911 – Suicídio de J. J. Honergger.

1911 – Edward L. Thorndike (1874-1949) publicou “Inteligência animal”.

Abr. 1911 – primeira mulher na Sociedade Psicanalítica de Viena, Margarete Hilferding-Honigsberg (1871-1942).

21 abr. e 22 abr. 1911 – Reunião anual, em Stutgard, da Sociedade Alemã de Psiquiatria.

Abr. e maio 1911 – Sabina Spilrein fez curso em Munique, ‘História da Arte’.

1911 – Jung visitou Friedrich Kraus (1858-1936), em Berlim.

1911 – Jung recolhe os documentos de Johann Jakob Honegger Jr. (1885-1911) e fica em sua posse até 1930.

Jun. 1911 – Alfred Adler pede demissão da Sociedade Psicanalítica de Viena.

1911 – Sonho sobre o espírito de um velho na alfândega de uma fronteira. (MSR, pág. 146)

1911 – Sonho sobre uma cidade na Itália, com um cavaleiro de armaduras e a cruz de Templário, ligou a busca do santo Graal. (MSR, pág. 147)

1911 – Sonho da Assembleia dos ilustres espíritos que falavam em latim. (MSR, pág. 266)

Verão 1911 – Jung viajou com Emma durante uma semana, de carro, pelo sul da França.

11 jul. 1911 – Reunião anual da Royal Society of Medicine, Londres.

11 jul. 1911 – Jung falou sobre “O Problema da Psicogênese nas Doenças Mentais”.

Jul. 1911 – Sabina Spilrein entra em contato com Leonhard Seif (1866-1949).

09 ago. 1911 – Congresso Internacional de Pedagogia, de Chaparede, em Bruxelas.

09 ago. 1911 – Jung apresentou um trabalho de Mary Moltzer (1874-1944) “Psicanálise de uma criança”.

1911 – 1ª parte de “Símbolos e transformações da libido”. Volume V.

1911 – “Exposição sumária sobre as Teorias dos Complexos”. Volume II.

1911 – “Crítica a E. Bleuler: sobre a teoria do negativismo esquizofrênico”. Volume III.

1911 – “Contribuição ao Conhecimento dos sonhos com Números”. Volume IV.

1911 – “Morton Prince M. D. O Mecanismo e a interpretação dos sonhos”. Volume IV.

Ago. 1911 – Jung começou um caso com Toni Wolff.

Ago. 1911 até mar. 1912 – Sabina Spilrein morou em Viena.

16 set. 1911 – Freud fica quatro (04) dias em Künascht com Jung. James Jackson Putnam também comparece ao encontro.

21 set. e 22 set. 1911 – Terceiro Congresso Internacional de Psicanálise em Weimar. A sociedade contava com 106 membros. Compareceram 55 pessoas e 48 posaram para a foto histórica. Sete pessoas não foram identificadas.

1911 – Jung recebe a primeira visita de Albert Einstein em sua casa.

21 set. e 22 set. 1911 – Palestra de Jung: “Contribuições ao Simbolismo”.

11 out. 1911 até mar. 1912 – Sabina Spilrein frequentou as reuniões das 4ª feiras.

28 nov. 1911 – Saída de Eugen Bleuler da Sociedade Psicanalítica de Zurique.

29 nov. 1911 – Sabina Spilrein falou em Viena, sobre o instinto da morte, palestra com o título “Sobre a Transformação”.

Jan. 1912 – Jung analisou Fanny Bowditch (1874-1967), em Zurique.

1912 – Jung ia pelo mar de Gênova para Nápoles e viu Roma sem visitá-la. MSR, pág. 252.

Jan. 1912 – Jung viajou para St. Moritz e depois Engadine.

1912 – Jung foi mordido pelo seu cão Joggi.

25 fev. 1912 – Fundada em Zurique a “Sociedade de projetos/trabalhos Psicanalíticos”.

Abr. 1912 – Sabina Spilrein foi morar em Berlim.

15 abr. 1912 – Afundou o Titanic.

Abr. 1912 – Jung fez uma viagem a Itália com Hans Schmid-Guisau, de bicicleta. Lugano, Ravena, Florença, Pisa e Genova.

Maio 1912 – Jung iniciou o rompimento com Freud. Foram de vital importância a discussão sobre o incesto e o episódio Binswanger.

1912 – Max Wertheimer (1880-1943) publica a primeira formulação do gestaltismo.

Fev. 1912 – Terminou o capítulo “O Sacrifício”.

1912 – “A Respeito da psicanálise”. Volume IV.

1912 – “Novos caminhos da psicologia”. Volume VII.

1912 – “Transformações e Símbolos da Libido” ou “Símbolos da Transformação”, 2ª parte. Volume V.

25 maio 1912 – Freud visitou Ludwig Binswanger, em Kreuzlingen.

Maio 1912 – Fanny Bowditch (1874-1967) começou suas anotações sobre as aulas de Jung na Universidade. As anotações vão até o verão de 1913.

04 jun. 1912 – Jung proferiu conferência na Reunião da “Associação Médico Farmacêutica”, Berna.

Jun. 1912 – Casamento de Sabina Spilrein com Paul Scheftel, médico judeu.

1912 – Sabina Spilrein publicou “A destruição como a causa do vir a ser”.

22 ago. até 06 set. 1912 – Jung prestou o Serviço militar anual.

Set. 1912 – Jung foi pela terceira vez aos EUA. Convidado por Smith Ely Jelliffe (1866-1945). Partiu em 07 de setembro e chegou em 18 de setembro.

Set. 1912 – Jung proferiu nove Conferências sobre a “Tentativa de Apresentação da Teoria Psicanalítica”, na Fordham University, de Nova York.

Set. 1912 – Jung proferiu Seminário de 15 dias em Nova York.

Set. 1912 – Jung proferiu palestras clínicas no hospital Bellevue em Nova York.

Set. 1912 – Jung proferiu palestras clínicas no Instituto Psiquiátrico de Nova York, na ilha de Ward.

Set. 1912 – Jung proferiu discurso na Academia de Medicina de Nova York.

29 set. 1912 – Jung deu entrevista ao ‘The New York Times’ e tirou um retrato nos estúdios Campbell.

Outono 1912 – Sabina Spilrein filia-se a Sociedade Psicanalítica de Berlim.

06 nov. 1912 – Wilhelm Stekel pediu demissão da Sociedade Psicanalítica de Viena.

22 nov. 1912 – Jung proferiu conferência na Sociedade Psicanalítica de Zurique, sobre a “Psicologia do Negro”.

1912 – Jung discutiu nos jornais com Max Kesselring (1875-1961).

24 nov. 1912 – Encontro de Freud com Jung em Munique. Stekel estava presente.

25 nov. 1912 – Freud desmaiou com a história do faraó Amenófolis IV.

1912 até 1919 – Jung trabalhou, com mais intensidade, as imagens do Inconsciente pessoal. Conflitos. Nekya.

Inverno 1912 – Doença com posterior cirurgia de Sabina Spilrein.

04 dez. 1912 – Carta de Jung a Sabina Spilrein pedindo socorro.

24 dez 1912 – Sonho da pomba e das crianças. (MSR, pág. 152)

06 jan. 1913 – Jung rompeu relações pessoais com Freud.

04 mar. 1913 – Jung realizou sua quarta 4ª viagem aos EUA.

1913 – Jung deu aula no Clube Liberal, em Grammeny Park.

1913 – Jung deixou de ser (informalmente) professor/livre-docente na Universidade de Zurique.

1913 – Jung brincou com pedras no seu jardim.

1913 – John B. Watson (1878-1958) apresenta o manifesto behaviorista.

25 maio 1913 – Freud deu um anel a cada membro do “Círculo Secreto”. Ferenczi, Abraham, Rank, Hanns Sachs (1881-1947) e Jones.

30 jun. 1913 – Almoço em Viena, de Freud com a sua turma, para comemorar o livro “Totem e Tabu”.

05 ago. 1913 – Jung proferiu conferência “Aspectos gerais da Psicanálise”, na Sociedade de Psicologia Médica de Londres.

7 ago. até 12 ago. 1913 – 17º Congresso Médico Internacional, em Londres.

7 ago. até 12 ago. 1913 – Jung proferiu a conferência “Sobre a Psicanálise”.

1913 – “Aspectos gerais da Psicanálise”. Volume IV.

1913 – “Tentativa de apresentação da Teoria Psicanalítica”. Volume IV.

1913 – “A Questão dos Tipos Psicológicos”. Volume VI.

07 set e 08 set. 1913 – Quarto Congresso Internacional de Psicanálise em Munique. 87 participantes. Entre eles: Théodore Flournoy, Reine Maria Rilke e Lou Andreas-Salomé.

07 set. e 08 set. 1913 – Jung proferiu a palestra “A Questão dos Tipos Psicológicos”.

Set. 1913 – Jung teve o último encontro pessoal com Freud.

Set. 1913 – Nasce a filha Renate, de Sabina Spilrein.

Out. 1913 – Visão da onda cobrindo a Europa. (MSR, pág. 156)

27 out. 1913 – Jung deixa de ser Redator Chefe do “Jahrbuch für Psychonalytische und Psychopathologische Forschungen”, fundado por Freud e Bleuler.

27 out. 1913 – Última carta de Jung para Freud. Sem contar a de 1923.

Nov. 1913 – Jung começa a escrever os Livros Negros.

12 nov. 1913 – Jung escreve o capítulo 01 do Liber Primus, no Livro Vermelho, intitulado: “O reencontro da alma”.

14 nov. 1913 – Jung escreve o capítulo 02 do Liber Primus, no Livro Vermelho, intitulado: “Alma e Deus”.

15 nov. 1913 – Jung escreve o capítulo 03 do Liber Primus, no Livro Vermelho, intitulado: “Sobre o serviço da alma”.

28 nov. 1913 – Jung escreve o capítulo 04 do Liber Primus, no Livro Vermelho, intitulado: “O deserto”.

1913 – Jung dá à sua psicologia o nome de “Psicologia Analítica”, Psicologia Complexa ou Psicologia Hermenêutica.

1913 – Jung leu pela primeira vez Henri Bergson (1859-1941).

1913 – Jung começa um relacionamento amoroso com Toni Wolff.

1913 até 1923 – Harold McCormick e sua esposa Edith ficaram em Zurique.

11 dez. 1913 – Jung escreve o capítulo 04 do Liber Primus, no Livro Vermelho, intitulado: “Experiências no deserto”.

12 dez. 1913 – Jung screve o capítulo 05 do Liber Primus, no Livro Vermelho, intitulado: “Descida ao inferno no futuro”.

12 dez. 1913 – Imaginação Ativa (anão, massa mole, pedra vermelha, gruta, sangue, etc.). Mergulhou no inconsciente. (MSR, pág. 159)

13 dez. 1913 – Jung proferiu a palestra “Acerca da psicologia do inconsciente”, na Associação Psicanalítica de Zurique.

17 dez. 1913 – Jung escreve o capítulo 06 do Liber Primus, no Livro Vermelho, intitulado: “Divisão do espírito”.

18 dez. 1913 – Jung escreve o capítulo 07 do Liber Primus, no Livro Vermelho, intitulado: “Assassinato do herói”.

18 dez. 1913 – Sonho com Siegfried. (MSR, pág. 160)

19 dez. 1913 – Jung escreve o capítulo 08 do Liber Primus, no Livro Vermelho, intitulado: “Concepção do Deus”.

21 dez. 1913 – Jung escreve o capítulo 09 do Liber Primus, no Livro Vermelho, intitulado: “Mysterium. Encontro”.

22 dez. 1913 – Jung escreve o capítulo 10 do Liber Primus, no Livro Vermelho, intitulado: “Instrução”.

25 dez. 1913 – Jung escreve o capítulo 11 do Liber Primus, no Livro Vermelho, intitulado: “Solução”.

26 dez. 1913 – Jung escreve o capítulo 01 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “O Vermelho”.

28 dez. 1913 – Jung escreve o capítulo 02 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “O castelo na floresta”.

29 dez. 1913 – Jung escreve o capítulo 03 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “Um dos degradados”.

30 dez. 1913 – Jung escreve o capítulo 04 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “O Eremita. Dies I”.

1913 até 1917 – Jung trabalhou imagens do Inconsciente pessoal. Entrou em confronto com seu próprio inconsciente e com seu mito, até a compreensão. Realizou sua Nekya. Completou o ciclo desenhando Mandalas.

Jan. 1914 – Imaginação ativa com Elias e Salomé e a serpente negra. Mito do herói, Filemon e Ka. Jung escreveu tudo no ‘livro negro’ (um total de seis) e mais tarde passou a limpo para o ‘livro vermelho’ com figuras e mandalas. (MSR, pág. 167)

01 jan. 1914 – Jung escreve o capítulo 05 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “Dies II”.

02 jan. 1914 – Jung escreve o capítulo 06 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “A morte”.

05 jan. 1914 – Jung escreve o capítulo 07 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “Os restos de templos antigos”.

08 jan. 1914 – Jung escreve o capítulo 08 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “Primeiro dia”.

09 jan. 1914 – Jung escreve o capítulo 09 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “Segundo dia”.

09 jan. 1914 – Jung escreve o capítulo 10 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “As encantações”.

10 jan. 1914 – Jung escreve o capítulo 11 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “A abertura do ovo”.

12 jan. 1914 – Jung escreve o capítulo 12 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “O inferno”.

13 jan. 1914 – Jung escreve o capítulo 13 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “O assassinato sacrificial”.

14 jan. 1914 – Jung escreve o capítulo 14 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “A divina loucura”.

17 jan. 1914 – Jung escreve o capítulo 15 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “Nox Secunda”.

18 jan. 1914 – Jung escreve o capítulo 16 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “Nox tertia”.

19 jan. 1914 – Jung escreve o capítulo 17 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “Nox quarta”.

22 jan. 1914 – Jung escreve o capítulo 18 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “As três profecias”.

23 jan. 1914 – Jung escreve o capítulo 19 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “O dom da magia”.

27 jan. 1914 – Jung escreve o capítulo 20 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “O caminho da cruz”.

27 jan. 1914 – Jung escreve o capítulo 21 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “O mago, primeira parte”.

29 jan. 1914 – Jung escreve o capítulo 21 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “O mago, segunda parte”.

01 fev. 1914 – Jung escreve o capítulo 21 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “O mago, terceira parte”.

02 fev. 1914 – Jung escreve o capítulo 21 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “O mago, quarta parte”.

09 fev. 1914 – Jung escreve o capítulo 21 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “O mago, terceira quinta”.

11 fev. 1914 – Jung escreve o capítulo 21 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “O mago, sexta parte”.

13 fev. 1914 – Jung proferiu a palestra “Acerca do simbolismo do sonho”, na Sociedade Psicanalítica de Zurique.

23 fev. 1914 – Jung escreve o capítulo 21 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “O mago, sétima parte”.

18 mar. 1914 – Nasceu a filha de Jung, Helene.

30 mar. até 13 abr. 1914 – Jung viajou à Itália (Ravena) com Toni Wolff. Monumento fúnebre à Galla Placidia. Narrado em MSR, pág. 249.

Abr. até jun. 1914 – Jung termina os Livros Negros 2 até 5. Escreve os Livros Negros 6 e 7.

19 abr. 1914 – Jung escreve o capítulo 21 do Liber Secundus, no Livro Vermelho, intitulado: “O mago, oitava parte”.

19 abr. até 21 abr. 1914 – Jung escreve a parte 1 começa a 2 do Liber Tertius – Aprofundamentos, no Livro Negro”.

20 abr. 1914 – Jung pediu demissão de Presidente da ‘Associação Psicanalítica Internacional’.

30 abr. 1914 – Jung pediu demissão de seu posto de ensino na Universidade de Zurique, Privatdozent.

Abr., maio e jun. (Verão) 1914 – Sonhos do gelo cobrindo a Europa. (MSR, pág. 156)

21 maio 1914 – Jung escreve a continuação da parte 2 do Liber Tertius – Aprofundamentos, no Livro Negro.

23 maio até 25 maio 1914 – Jung escreve o final da parte 2 do Liber Tertius – Aprofundamentos, no Livro Negro.

24 jun. 1914 – Ocorre um silêncio da alma de Jung por cerca de 01 ano. Parte 2 do Liber Tertius – Aprofundamentos, no Livro Negro.

29 maio 1914 – O navio Empress of Ireland afundou no Canadá.

Jul. 1914 – Reunião Anual, em Aberdeen (Escócia), da Associação Médica Britânica (British Medical Association).

22 jul. 1914 – Jung saiu da Associação Psicanalítica Internacional.

20 jul. 1914 – Jung proferiu a palestra: “Sobre a compreensão psicológica de processos patológicos”, na Sociedade de Psicologia Médica de Londres.

28 jul. 1914 – Jung proferiu a palestra: “A Importância do inconsciente na psicopatologia”, na Reunião Anual, em Aberdeen (Escócia), da Associação Médica Britânica (British Medical Association).

1914 – Jung praticou exercícios de Yoga para tentar se aclamar.

1914 – Jung anotou as experiências ao lidar com as pedras no lago.

01 ago. 1914 até 11 nov. 1918 – 1ª Guerra Mundial.

Ago. 1914 – Jung fez uma viagem de bicicleta com Hans Schmid-Guisau à Itália (Ravena).

Ago. 1914 – Jung foi mobilizado para o Serviço Militar de Saúde, um serviço extra devido ao início da guerra.

09 ago. até 22 ago. 1914 – Jung presta Serviço Militar de Saúde em Lucerna.

Nov. 1914 – Jung estudou intensamente o “Assim falou Zaratustra”, de Nietzsche e também a “Divina Comédia”, de Dante.

1914 – Sabina Spilrein mudou-se para a Suíça. Primeiro para Zurique, depois Lausanne e Genebra.

1914 – Herbert Silberer (1881-1923) publicou o livro, “Os problemas do misticismo e da sua simbologia”.

1914 – “A Interpretação Psicológica dos Processos Patológicos”. Volume III.

1914 – “A Importância do inconsciente na psicopatologia”. Volume III.

1914 – “Questões atuais da Psicoterapia: correspondência entre C. G. Jung e R. Loy”. Volume IV.

1915 até 1916 – Sabina Spilrein foi trabalhar em Cirurgia.

1915 até 1916 – Sabina Spilrein foi estudar poesia e música.

01 jan. até 08 de mar. 1915 – Jung presta serviço militar em Olten. Aproveita para estudar o Gnosticismo.

04 jan. 1915 – Nasce Marie-Louise von Franz (Malus), em Munique.

10 mar. até 12 mar. 1915 – Jung presta serviço militar em transporte de feridos.

Abril até maio 1915 – Jung escreve as citações bíblicas de Isaias e João, para o começo do Livro Vermelho.

03 de jun. 1915 – Jung navegando por um lago vê uma águia pegar uma lebre. Associa com sua elevação espiritual. Escreve o começo da parte 03 dos Aprofundamentos, no Livro Negro.

14 set. até 19 set. 1915 – Jung termina de escrever a parte 03 dos Aprofundamentos, no Livro Negro.

Set. 1915 – Morreu Iwan Fröbe, marido de Olga.

1915 – O endereço de Jung passou de Seestrasse 1003 para Seestrasse 228.

1915 até 1926 – Jung estudou sistematicamente a Gnosis.

Out. 1915 – Jung termina o serviço militar deste ano.

06 nov. 1915 – Sonho no jardim com a fonte de água. (Cartas Vol. I, pág. 48).

02 dez. até 20 dez. 1915 – Jung escreve a parte 04 dos Aprofundamentos, no Livro Negro.

25 dez. 1915 – Jung faz o desenho de Izdubar, que está na página 36, no Livro Negro.

1916 – Conferência realizada no Zürcher Schule für Analytische Psychologie. Foi publicada em francês no mesmo ano com o título “A Estrutura do Inconsciente”, Volume VII/2, no apêndice. Aparecem os termos; Inconsciente Pessoal, Inconsciente Coletivo e Individuação.

1916 – “Sobre a Psicanálise”. Volume IV.

1916 – “Adaptação”. Volume XVIII/2.

1916 – “A Função Transcendente”. Ano que foi escrito e só publicado em 1957. Volume VIII.

1916 – “Adaptação, individuação e coletividade”. Parte 01. Volume XVIII/2. Encontrado nos arquivos do “Clube de Psicologia de Zurique”.

1916 – “Adaptação, individuação e coletividade”. Parte 02. Volume XVIII/2. Encontrado nos arquivos do “Clube de Psicologia de Zurique”.

1916 – “Prefácios a Collected papers on analytical Psychology”. Volume IV.

1916 – Em inglês seu livro “Transformações e Símbolos da Libido”, sai com o título “Psicologia do Inconsciente”.

1916 – “Sete sermões aos mortos (Septem Sermones ad Mortuos).” MSR.

1916 – “Aspectos gerais da Psicologia do Sonho”. Volume VIII.

08 jan. até 16 jan. 1916 – Jung escreve a parte 05 dos Aprofundamentos, no Livro Negro.

16 jan. 1916 – Jung escreve a impressão preliminar dos ‘Sermões aos mortos’, Anexo C, no Livro Negro.

18 jan. até 30 jan. 1916 – Jung escreve a parte 06 dos Aprofundamentos, ‘Primeiro Sermão aos mortos’, no Livro Negro.

31 jan. 1916 – Jung escreve a parte 07 dos Aprofundamentos, ‘Segundo Sermão aos mortos’, no Livro Negro.

01 fev. 1916 – Jung escreve a parte 08 dos Aprofundamentos, ‘Terceiro Sermão aos mortos’, no Livro Negro.

03 fev. até 05 fev. 1916 – Jung escreve a parte 09 dos Aprofundamentos, ‘Quarto Sermão aos mortos’, no Livro Negro.

06 fev. 1916 – Jung escreve as partes 10 e 11 dos Aprofundamentos, ‘Quinto e Sexto Sermão aos mortos’, no Livro Negro.

08 fev. 1916 – Jung escreve as partes 12 e 13 dos Aprofundamentos, ‘Sétimo Sermão aos mortos’, no Livro Negro.

17 fev. até 12 abr. 1916 – Jung escreve o final da parte 13 dos Aprofundamentos, ‘Sétimo Sermão aos mortos’, no Livro Negro.

Final abr. até 31 maio 1916 – Jung escreve a parte 14 dos Aprofundamentos, no Livro Negro.

01 jun. 1916 – Jung escreve a parte 15 dos Aprofundamentos, no Livro Negro. O epílogo foi escrito bem mais tarde em 1959.

11 fev. 1916 – Foi alugado um imóvel na Löwenstrasse, 01.

26 fev. 1916 – Fundação do Clube de Psicologia de Zurique (Analytical Psychology Club), Primeira presidenta Emma Jung. A ideia e a doação do prédio foi do casal de milionários americanos Edith McCormick Rockefeller e Harold Fowler McCormick.

Out. 1916 – Jung proferiu palestras no Clube de Psicologia de Zurique. Duas palestras estão no volume XVIII/2.

1916 – Jung desenhou a primeira Mandala.

Out. 1916 – Fanny Bowditch (1874-1967) fez anotações sobre outro seminário. Já estava casada com o médico Johnan Rudolf Katz.

Jan. 1917 – Jung produz as imagens dos Encantamentos, páginas 30 até 61 e da árvore, página 63, no Livro Vermelho.

04 fev. até 15 fev. 1917 – Jung produz as imagens da “Abertura do ovo”, página 64, no Livro Vermelho.

1917 – Wolfgang Köhler (1887-1967) publica os resultados dos seus estudos sobre a resolução de problemas com primatas.

1917 – “A psicologia dos processos inconscientes”. Volume VII.

11 jun 1917 até 02 out. 1919 – Jung foi Comandante, como capitão médico, da Região Inglesa dos Internados de Guerra (Région des Internés de Guerre), em Château-d’Oex (Cantão do Vaud). Na verdade um campo para Internação dos soldados ingleses feridos na guerra.

Ago. até set. 1917 – Jung desenha Mandalas diariamente.

Ago. até out. 1917 – Jung desenha as Mandalas da página 79 até 97, para o Livro Vermelho.

Inverno 1917 – Jung começa a transcrição dos Aprofundamentos no Livro Negro. Composto de visões desde abril de 1913 até junho de 1916.

1917 – Sonho com o gigante puxando o navio.

1918 – “Sobre o inconsciente”. Volume X.

28 set. e 29 set. 1918 – Quinto Congresso Internacional de Psicanálise, em Budapeste. Só com Freud.

11 nov. 1918 – Fim da “1ª Guerra Mundial”.

1918 – Linda Fierz-David foi internada em um sanatório na Suíça.

1918 – Jung atribui um papel decisivo das pinturas de mandalas.

21 jan. 1918 – Foi comprado um prédio na Gemeindestrasse, 27.

1918 até 1920 – Jung aceitou o Si-mesmo como o centro de todo a psique.

1919 – Suicídio de Vitor Tausk.

1919 – “Instinto e inconsciente”. Volume VIII. Aparece o termo arquétipo.

1919 – “O Problema da Psicogênese nas doenças Mentais”. Volume III.

Abr. 1919 – Jung desenha a imagem de Telésforos ou Phanes da página 113, para o Livro Vermelho.

Jul. 1919 – Jung proferiu conferência na Universidade de Londres, promovida pela Aristotelian Socity, pela Mind Association e pela British Psychological Society, realizada no Bedford College, intitulada “Instinto e Inconsciente”.

Jul. 1919 – Jung proferiu conferência na British Society for Psychical Research, intitulada “Os Fundamentos Psicológicos da Crença nos Espíritos”.

Set. 1919 – Foi inaugurado o Clube Psicológico no prédio na Gemeindestrasse, 27.

Nov. 1919 – Jung desenha a imagem do Lapis Philosophorum da página 121, para o Livro Vermelho.

04 dez. 1919 – Jung desenha a imagem do Atmavictu da página 122, para o Livro Vermelho.

1919 – Nascimento da segunda filha, Eva, de Sabina Spilrein.

1919 – Sabina Spilrein volta a Psicanálise.

04 Jan. 1920 – Jung desenha a imagem do homem regando flores que surgem do dragão e crescem Cabiros da página 123, para o Livro Vermelho.

Mar. 1920 – Jung viajou para: Argélia, Tunís, Souss, Sfax, Saara, Tozeur e Nefta. Fez o caminho via Marselha, com Hermann Sigg.

Mar. 1920 – Sonho da luta com o jovem árabe. (MSR, pág. 215)

1920 – “Os Fundamentos Psicológicos da Crença nos Espíritos”. Volume VIII.

Ago. 1920 – Jung proferiu seminário para doze (12) psicanalistas em Sennen Cove, perto de Land’s End, Cornwall (Cornualha), Inglaterra, organizado por Helton Godwin Baynes e Constance Long. Estavam presentes, Esther Harding e Eleanor Bertine. Falou sobre o livro, “The authentic dreams of Peter Blobbs and some of certain of his relatives”.

Ago. 1920 – Jung passou os fins de semana, por mais de um mês, em Buckinghamshire, numa ‘Casa Mal assombrada’. Volume XVIII/1 página 320.

Ago. 1920 – Jung talhou duas figuras em madeira, num ramo delgado de árvore, quando estava na Inglaterra.

1920 – Jung começou a usar o I Ching.

1920 – Esther Harding foi a Zurique trabalhar com Jung.

Final 1920 – Jung conheceu Richard Wilhelm (1873-1930) na casa do conde Hermann Keyserling, em Darmstadt, nos encontros chamados “Escola da Sabedoria”.

08 set. até 12 set. 1920 – Sexto Congresso Internacional de Psicanálise, em Haia. Sabina Spilrein compareceu e falou pela primeira vez.

1920 – Fundação da The Tavistock Square Clinic. Em 1931 mudou de nome, logo depois mudou novamente o nome para o atual.

1920 – Foi publicado na Inglaterra o livro, “The authentic dreams of Peter Blobbs and some of certain of his relatives”.

1920 – Sabina Spilrein muda-se para Genebra. Trabalha no Instituto Rousseau.

1921 – Jung leu a obra “Hypnerotomachia Poliphili”, de Béroalde de Verville, de 1600. Este livro levou-o ao interesse pela Alquimia.

09 jan. 1921 – Jung desenha a imagem do Amor triumphat da página 127, para o Livro Vermelho.

1921 – Jung recebeu Kristine Mann como paciente.

1921 – Cary de Angulo chega a Zurique com sua irmã Henri Zinno e a sua filha Ximena Roelli de Angulo. Ficaram até 1939.

1921 – “Tipos psicológicos”. Volume VI.

1921 – “O valor terapêutico da Ab-reação”. Volume XVI.

1922 – Jung comprou um terreno junto ao lago de Zurique em Bollingen, Saint Meinrad, perto de Raperswil, abadia de Saint Gall, (Cantão de São Galeno).

1922 – Constance Long, Beatrice Hinkle, Kristine Mann e Eleanor Bertine foram para os Estados Unidos. Long morreu logo em seguida.

Maio 1922 – Jung proferiu palestra na Sociedade de Línguas e Literaturas Alemãs, em Zürich.

1922 – Linda Fierz-David foi se consultar com Jung.

1922 – “Relação da Psicologia Analítica com a obra de arte poética”. Volume XV.

Set. 1922 – Sonho com o pai retornando de viagem. (MSR, pág. 273)

25 set. até 27 set. 1922 – Sétimo Congresso Internacional de Psicanálise, em Berlim. Sabina Spilrein compareceu e falou, pela segunda vez. Último congresso que Freud compareceu.

25 nov. 1922 – Jung desenha a imagem do Müspilli da página 135, para o Livro Vermelho.

Jan. 1923 – Sonho com o lobo selvagem. Estava em Tessin. (MSR Pág. 271)

Fev. 1923 – Morte da mãe de Jung.

1923 – Esther Harding reuniu-se à: Beatrice Hinkle, Kristine Mann e Eleanor Bertine.

1923 – “A importância da Psicologia Analítica para a educação”. Volume XVII.

Jul. 1923 – Jung proferiu seminário em Polzeath, na Cornualha (Cornwall), para 29 pessoas. Baynes e Harding o organizaram, estavam presentes Emma Jung e Toni Wolff. Notas por extenso, tomadas pela Dra. Harding e pela médica americana Kristine Mann, levaram o título “Human Relationships in Relation to the Process of Individuation”.

Jul. 1923 – Primeiro Seminário registrado de Jung.

1923 – Jung proferiu a palestra “Tipos Psicológicos”.

1923 – Jung proferiu a conferência “A importância da Psicologia Analítica para a educação”, no Congresso Internacional para Educação, em Territet-Montreux, na Suíça.

1923 – Jung construiu a 1ª torre da casa de pedra no terreno de Bollingen. Ficava perto do lago, não tinha luz, telefone e água encanada.

1923 – Jung escreveu a última carta a Freud recomendando um paciente.

Outono 1923 – Sabina Spilrein foi para Rússia.

1923 – Diagnosticado o câncer de Freud.

1923 – Suicídio de Herbert Silberer (1881-1923).

1923 – Primeira série de conferências dadas por Richard Wilhelm sobre o I Ching no Clube Psicológico de Zurique.

Dez. 1923 até mar. 1924 – Jung viu por duas vezes os fantasmas em Bollingen, pareceu a representação do mitológico Wotan.

21 abr. até 23 abr. 1924 – Oitavo Congresso Internacional de Psicanálise, em Salsburg, Áustria.

Maio 1924 – Jung proferiu três conferências no Congresso Internacional de Educação, em Londres.

Dez. 1924 até jan. 1925 – Jung visitou aos índios Pueblo, do Novo México e do Arizona (EUA), com Fowler McCormick, George Porter e Xaime de Angulo (marido de Cary – divorciaram em 1924).

1925 – “O Casamento como Relacionamento Psíquico”. Volume XVII.

1925 – “Apêndice a tipos Psicológicos”. Volume VI.

1925 até 1931 – Foi secretária de Jung sua esposa Emma.

1925 – Jung recebeu Olga Fröbe-Kapteyn como paciente.

23 mar. até 06 jul. 1925 – Jung proferiu seminário em Zurique, 16 aulas “Psicologia Analítica”. Falou pela primeira vez dos sonhos de 1909. Barbara Hannah estava presente. Foi registrado por Cary Fink de Angulo, que logo em seguida casou-se com Helton Godwin Baynes.

23 mar. até 06 jul. 1925 – Primeiro seminário no clube psicológico, doação de Edith McCormick. Ficava na Gemeindestrasse, 27, em Zurique. Foi a primeira vez que um seminário foi estenografado. Jung revisou o transcrito e foi emitido em um documento tipado em multígrafo, de 227 páginas.

25 jul. até 07 ago. 1925 – Jung proferiu seminário em Swanage, Dorset, Inglaterra, para 100 pessoas, “Sonhos e Simbolismo” ou “Análise dos sonhos”. Novamente, as notas por extenso da Dra. Harding sobreviveram, sob o título “Dreams and Symbolism”, em doze conferências.

Ago. 1925 – Jung visitou em Londres, a exposição “Wembley Exhibition”, sobre a África.

03 set. até 05 set. 1925 – Nono Congresso Internacional de Psicanálise, em Bad Homburg.

1925 – Jung proferiu conferência no Congresso Internacional de Educação, em Heildelberg.

1925 – Pouco antes da viagem para a África faleceu a segunda esposa de Baynes, Hilda.

15 out. 1925 – Jung partiu de Southampton, na Inglaterra com George Beckwith em direção à Mombaça, no Quênia (África Oriental Britânica). Esta expedição levou o nome de “A expedição psicológica Bugishu”.

Out. 1925 até abr. 1926 – Jung realizou “A expedição psicológica Bugishu” que começou no Quênia (África Oriental Britânica) e terminou no Egito. Nesta expedição conheceu Ruth Bailey. Estava acompanhado de Helton Godwin Baynes (1882-1943), um psiquiatra inglês e de George Beckwith um milionário de Chicago. Visitou Mombaça, Nairobi, Uganda, Sigistifour e os Elgonyis no monte Elgon.

25 dez. 1925 – Morreu Karl Abraham.

1926 – “Espírito e Vida”. Volume VIII.

1926 – “Psicologia Analítica e educação”. Volume XVII.

1926 – Publicada a correspondência entre Jung e Herbert Silberer.

1926 – No livro “O mundo de William Clissold”, de H. G. Wells, aparece Carl Jung como personagem.

1926 – Fundação da Sociedade Médica Geral para Psicoterapia.

1926 até 1938 – Jolande Jacobi envolveu-se com o Kulturbund de Viena.

1926 – Senhor Kapteyn, pai de Olga comprou a casa Gabriela, no lago Magiore.

07 maio 1926 – Última reunião do “Comitê Secreto” com Freud, em Viena.

1926 – Sonho com a guerra, no Tirol. Preso no século XVII. Anunciou seu encontro com a Alquimia. (MSR, pág. 179)

1926 – Jung intensificou suas leituras sobre: história do mundo, história das religiões e história da filosofia.

1926 – Jung começou a pesquisar, com profundidade, a Alquimia.

1926 – Jung recebeu Christiane Morgan como paciente.

1926 – Jung realizou sua sexta 6ª viagem aos USA.

28 out. 1926 – Jung proferiu conferência na Literarische Gesellschaft Augsburg, em Augsburg. “Espírito e Vida”.

1927 – “A Mulher na Europa”. Volume X.

1927 – “A Estrutura da Alma”. Volume VIII.

1927 – “Alma e Terra”. Volume X.

1927 – Introdução à obra de Frances G. Wickes. “Análise da alma infantil”.

1927 – Sonho na cidade de Liverpool. O sonho representa uma Mandala. Depois do sonho deixou de pintar Mandalas. (MSR, pág. 175)

1927 – Jolandi Jacobi (1890-1973) conheceu Jung.

1927 – Jung realizou sua 7ª (sétima) viagem ao USA.

1927 – Jung desenhou a Mandala: “A janela para a eternidade”. Está no livro O Segredo da Flor de Ouro. Fato ocorrido depois de um sonho.

1927 – Jung proferiu conferência em Karlsruhe. “Psicologia Analítica e Cosmovisão.”

1927 – Jung Construiu a parte central, com um anexo, junto a torre principal, em Bollingen.

09 jan. 1927 – Jung desenha a imagem de mandala composta por uma flor 8 estrelas e 8 portas da página 159, para o Livro Vermelho.

Jul. 1927 – Jung recebeu Mary Foote como sua paciente.

22 ago. 1927 – Jung encontrou o esqueleto do soldado francês (provavelmente de 1799).

1927 até 1928 – Cary Fink de Angulo, agora Cary Baynes e seu marido Peter Baynes (Helton Godwin Baynes) ficaram na Califórnia.

Set. 1927 – Décimo Congresso Internacional de Psicanálise, em Innsbruck.

22 fev. 1928 – Jung proferiu conferência no Kulturbund de Viena, convidado por Jolandi Jacobi.

1928 – Jung pediu ao livreiro de Munique o livro “Artis Auriferae” Volumina Duo, de 1593.

1928 – Jung tornou-se membro da Sociedade Médica Geral para Psicoterapia.

1928 – Jung proferiu conferência: “Tipologia Psicológica”.

1928 – Richard Wilhelm envia para Jung “O segredo da flor de ouro”.

1928 – Jung desenha a imagem do Castelo Dourado da página 163, para o Livro Vermelho.

Nov. 1928 – Jung proferiu conferência no Círculo de Leitura de Hottingen. “O problema psíquico do homem moderno”.

1928 – Jung recebeu Catharine Cabot como paciente.

1928 – Jung recebeu a inglesa Barbara Hannah (1891-1986) como paciente.

07 nov. 1928 até 25 jun. 1930 – Jung proferiu seminário sobre “Análise de Sonhos”, Zurique, as 4ª feiras.

1928 – “O Problema Psíquico do Homem Moderno”. Volume X.

1928 – “O Eu e o Inconsciente”. Volume VII.

1928 – “A Importância do Inconsciente para a Educação Individual”. Volume XVII.

1928 – “A Energia psíquica”. Volume VIII.

1928 – “Doença Mental e Psique”. Volume III.

1928 – “Tipologia Psicológica”. Volume VI.

1928 – “O Problema amoroso do estudante”. Volume X.

1928 – “O significado da Linha Suíça no espectro Europeu”. Volume X.

1928 – “Psicanálise e Direção Espiritual”. Volume XI.

1928 – “A Importância da Psicologia Analítica para a Educação”. Volume XVII.

1928 – “Psicologia Analítica e Cosmovisão”. Volume VIII.

1928 até 1941 – Hans Meier foi diretor do hospital Burghölzli.

1928 – Encontro de Médicos de Doentes Mentais, em Zurique.

1929 – Comentário ao “O segredo da Flor de Ouro”. Volume XIII.

1929 – “Paracelso”. Volume XV.

1929 – “A divergência entre Freud e Jung”. Volume IV.

1929 – “O Significado da Constituição e da herança para a Psicologia”. Volume VIII.

1929 – “Os Problemas da Psicoterapia Moderna”. Volume XVI.

1929 – “Os Objetivos da Psicoterapia”. Volume XVI.

1929 – Toni Wolff torna-se presidente do Clube Psicológico de Zurique.

11 abr. até 14 abr. 1929 – Congresso Psicoterapêutico, em Nauheim.

11 abr. até 14 abr. 1929 – Jung proferiu a conferência “Objetivos da psicoterapia” no Congresso Psicoterapêutico, em Nauheim.

1929 – Jung começou seus estudos sistemáticos sobre Alquimia.

Set. 1929 – Décimo primeiro Congresso Internacional de Psicanálise, em Oxford.

1929 – Jung visitou a cidade de Ravena e seus mosaicos, com Toni Wolff.

1929 – Jung comprou um Chrysler conversível de cor vermelha.

1929 – Jung proferiu palestra no Clube Literário de Zürich. Neste local nasceu Paracelso.

1929 – Jung recebeu Joseph Henderson como paciente.

1929 – Jung recebeu James Kirsch como paciente.

01 mar. 1930 – Morreu Richard Wilhelm.

1930 – Jung proferiu seminário em Berlim, “O Simbolismo da Mandala”.

1930 – Jung tornou-se Vice-presidente da Sociedade Médica Geral para Psicoterapia, tendo como presidente na época Ernst Kretschmer (1888-1964).

1930 – Jung depois de publicar o comentário ao “O segredo da Flor de Ouro”, Volume XIII, abandona o Livro Vermelho.

10 maio 1930 – Jung proferiu, em Munique, o necrológio de Richard Wilhelm.

1930 – Jung recebeu Carl Alfred Meier como paciente.

1930 – Jung entrega para C. A. Meier os documentos Honegger que estavam em sua posse desde 1911.

06 out. 1930 até 10 out. 1931 – Jung proferiu seminário “A Psicologia da Individuação”, em Küsnacht.

15 out. 1930 até 21 mar. 1934 – Jung proferiu o seminário no Clube Psicológico “Interpretation of Visions”. Posteriormente foi publicado em 09 volumes e um resumo intitulado, “The Visions Seminars” em 02 volumes.

1930 – Jung começou a ler “Artis Auriferae”, Volumina Duo (1593), que tinha recebido em 1928.

1930 – Jung assistiu, em Baden-Baden, no Congresso da Sociedade Internacional, a palestra de J. W. Hauer, intitulada “Yoga a luz da psicoterapia”. Jung já conhecia Hauer da Escola de Sabedoria do conde Keyserling.

1930 – Jung encontrou-se com Olga Fröbe-Kapteyn em Darmstadt no Congresso da “Escola de Sabedoria” do Conde Keyserling.

1930 – Jung conheceu Henrich Zimmer (1890-1943).

1930 – “Psicologia e Poesia”. Volume XV.

1930 – “Alguns Aspectos da Psicoterapia Moderna”. Volume XVI.

1930 – “As Etapas da Vida Humana”. Volume VIII.

1930 – “Introdução a A Psicanálise de W. M. Kranefeldt”. Volume IV.

1930 – “As Complicações da Psicologia Americana”. Volume X.

1930 – “Em Memória de Richard Wilhelm”. Volume XV.

1930 – “Resenhas a Keyserling: A Aurora de um Novo Mundo e A revolução Mundial e a responsabilidade do Espírito”. Volume X.

20 jan. 1931 – Jung proferiu conferência no Kulturbund, Viena. “A revelação da alma”. Está no livro “O homem à descoberta da sua alma”.

1931 – Jung construiu a segunda 2ª torre em Bollingen.

1931 – Jung proferiu conferência no Congresso da Sociedade Médica de Psicoterapia, Dresden, Alemanha.

1931 – Jung convidou J. W. Hauer para uma conferência no Clube Psicológico de Zürich.

1931 – Jung recebeu Wolfgang Ernst Pauli (1900-1958) para análise. Logo em seguida passa o tratamento para sua assistente Erna Rosenbaum.

1931 até 1961 – Jung teve como secretária geral, sua filha Mariane.

1931 – “O Problema Fundamental da Psicologia Contemporânea”. Volume VIII.

1931 – “O Homem Arcaico”. Volume X.

1931 – “A aplicação prática da análise dos sonhos”, volume XVI.

1931 – Congresso da Sociedade Médica Geral de Psicoterapia, Dresden.

1931 – Morre o paciente Emile Schwyser (1862-1931), o homem do falo solar, no hospital Burghölzli, onde foi internado em 1901.

1932 até 1952 – Jung contratou como secretária particular, Marie-Jeanne Schmid (mais tarde Boller-Schmid). Era filha do seu amigo Hans Schmid-Guisan (1881-1932).

01 fev. 1932 – Jung proferiu conferência na Eidgenössischen Technischen Hochschule, Zurique.

1932 – Jung atendeu o alcoólatra Rowland Hazard, filho de um senador dos EUA, por um ano. Mais tarde nos EUA, Rowland entrou para o Grupo Oxford e fez contato com Ebby Thatcher que era amigo de infância de Bill Wilson. Esta colaboração ajudou a formar, nos moldes atuais, a AAA.

1932 – “Relações entre a Psicoterapia e a Direção Espiritual”. Volume XI.

1932 – “Sigmund Freud, um fenômeno histórico-cultural”. Volume XV.

1932 – “Ulisses, um monólogo”. Volume XV.

1932 – “Picasso”. Volume XV.

1932 – “Da formação da personalidade”. Volume XVII.

1932 – Olga Fröbe encontra-se com Rudolf Otto (1869-1937) e este propõe o termo Eranos para as reuniões culturais.

1932 – Jung viajou a Itália (Ravena) com Toni Wolff. Viu os afrescos que não existiam. Em confusão com a viagem de 1914. Ver o livro de Bair, vol. 01, pág. 550.

1932 – Começa a correspondência Jung-Pauli.

Verão 1932 – Ruth Bailey hospedou Emma e algumas filhas de Jung na Inglaterra.

03 out. até 08 out. 1932 – Jung proferiu um seminário sobre Kundalini Yoga, com J. W. Hauer, em Zurique.

12 out. 1932 – Jung proferiu 04 Seminários em 06 sessões, “Um Comentário Psicológico sobre a Yoga Kundalini”. Falou dos afrescos de Ravena.

Nov. 1932 – Jung proferiu conferência no Kulturbund, em Viena. Intitulada “A voz do íntimo”. Depois levou o nome de “Da formação da personalidade”.

25 nov. 1932 – Jung recebeu o Prêmio de Literatura da Cidade de Zurique. Literaturpreis der stadt Zürich, de 8.000 francos.

Mar. 1933 – Jung viajou de trem partindo da Hauptbanhof e foi até a Itália. De lá foi de navio pelas ilhas gregas até Atenas. Dali foi pelo estreito de Dardanelos até a Turquia e Palestina. Fez o retorno pelo Egito (Alexandria). Foi acompanhado de Hans Edward Fierz, marido de Linda Fierz-David e professor de química.

24 maio 1933 – Morreu Sandor Ferenczi.

26 jun. até 30 jun. 1933 – Jung proferiu seminário de 05 dias, “Sobre os sonhos”, no clube psicológico de Berlin.

26 jun. 1933 – Jung foi entrevistado na rádio Berlin por Adolf von Weizäcker, um ex aluno e membro do C. G. Jung Gesellschaft.

1933 – E. Kretschmer (1888-1964) abdica da presidência da Sociedade Médica Geral de Psicoterapia.

21 jun. 1933 – Jung fundou a Sociedade Médica Geral Internacional de Psicoterapia.

21 jun. 1933 até 1939 – Período em que Jung foi presidente da Sociedade Médica Geral Internacional de Psicoterapia.

1933 – Jung participou de debate na Associação de Psiquiatras Suíços, Prangins.

Ago. 1933 até 1951 – Período das Conferências de Jung nos Congressos Eranos. Conferiu 14 conferências.

1933 – Primeira conferência Eranos, “Eranos-Tagungen” (lago Maggiore, Ascona, Moscia, Tessin ou Ticino), “Yoga e meditação no oriente e no ocidente”. Jung falou: “Estudo empírico do processo de Individuação”. Participaram: Heinrich Zimmer, Martin Buber, etc.

1933 – “Estudo Empírico do processo de individuação”. Volume IX/1.

1933 – “Bruder Klaus”. Volume XI.

1933 – “O Real e o Supra-real”. Volume VIII.

1933 – “Um exame da psique do criminoso”. Volume XVIII/1.

1933 – “Resenha do livro de Heyer: Der organismus der seele”. Volume XVIII/2.

1933 – “A Importância da Psicologia para a Época Atual”. Volume X.

1933 – “Apresentação do Diretor do Zentralblatt für Psychotherapie”. Volume X.

jul. 1933 – Jung conheceu Marie-Louise von Franz, então com 18 anos.

1933 até 1939 – Jung foi nomeado redator chefe e editor da Zentralblaft für Psychoterapie und Ihre Grenzgebiete (Leipzig). Sociedade Médica Geral Internacional de Psicoterapia.

1933 até jul. 1942 – Jung foi nomeado professor na Escola Técnica Federal (Eidgenössische Technische Hochschule, E.T.H.), de Zurique.

20 out. 1933 até 23 fev. 1934 – Jung proferiu seminário (primeiro semestre) sobre “Psicologia Moderna” na Escola Técnica Federal (Eidgenössische Technische Hochschule, E.T.H.), de Zurique. Sempre as sextas. Barbara Hannah fez um resumo em dois volumes (Modern Psychology)

1934 – “Considerações Gerais sobre a Teoria dos Complexos”. Volume VIII.

1934 – “Sobre os Arquétipos do Inconsciente Coletivo”. Volume IX/1.

1934 – “A Situação atual da Psicoterapia”. Volume X.

1934 – “Da Formação da Personalidade”. Volume XVII.

1934 – “Introdução à Psicologia Analítica”. No livro “O homem à descoberta da sua alma”.

1934 – “A Alma e a Morte”. Volume VIII.

1934 – “Atualidades: Réplica ao artigo do Doutor Bally, Terapia da raça Alemã”. Volume X.

27 fev. 1934 – Publicado artigo de Gustav Bally na Neue Zürcher Zeitung atacando Jung por ser presidente de uma sociedade ligada ao nazismo.

1934 – Jung analisou a filha de James Joyce, Lucia que ficou internada em Kusnacht num sanatório particular.

1934 – Carta de Hermann Hesse à Jung, sobre Freud.

1934 – Final da análise de W. Pauli com Jung.

20 Abr. até 13 Jul. 1934 – Jung proferiu seminário (segundo semestre) sobre “Psicologia Moderna” na Escola Técnica Federal (Eidgenössische Technische Hochschule, E.T.H.), de Zurique. Sempre as sextas. Barbara Hannah fez um resumo em dois volumes (Modern Psychology)

02 mai. 1934 até 15 fev. 1939 – Jung proferiu uma série de seminários sobre “Análise psicológica sobre Assim falou Zaratustra, de Nietzsche”. Zurique.

05 maio 1934 – Jung proferiu a Aula Inaugural na Escola Técnica Federal (Eidgenössische Technische Hochschule, E.T.H.), de Zurique. “Considerações Gerais sobre a Teoria dos Complexos”.

Maio 1934 – Jung proferiu palestra em Bad-Nauheim. A palestra não foi conservada, mas o conteúdo é parecido com “Votum, C. G. Jung”.

1934 – Christiana Morgan mandou telegrama para Jung pedindo que suspendesse o seminário sobre Visões que começou em 1930. O seminário era sobre suas visões e todos já sabiam de sua identidade.

1934 – Segunda Conferência Eranos, “Simbolismo e guia das almas”. Jung falou: “Arquétipos do Inconsciente Coletivo.”

01 out. até 05 out. 1934 – Jung proferiu seminário na Sociedade de Psicologia da Basiléia. Foram seis (06) conferências. Levaram o título “Introdução à psicologia analítica”. Estão no livro “O homem à descoberta da sua alma”.

1934 – Jolande Jacobi começou a estudar psicologia em Viena. Sonho dos espelhos.

Jan. 1935 – Jung fundou a Sociedade Suíça para a Psicologia Aplicada, filial da Sociedade Médica Internacional para Psicoterapia.

1935 – Jung recebeu Hilde Kirsch como paciente.

1935 – Jung recebeu Lucille Elliott como paciente.

Ago. 1935 – Terceira Conferência Eranos, “Guia das almas ocidental/oriental”. Jung falou: “Símbolos oníricos do processo de individuação”.

1935 – 8° Congresso Médico Geral de Psicoterapia, em Bad Nauheim.

1935 – “Comentário Psicológico ao Bardo Thödol (O Livro Tibetano dos Mortos)”. Volume XI.

1935 – “Princípios Básicos da Prática da Psicoterapia”. Volume XVI.

1935 – “Votum C. G. Jung”. Volume X.

1935 – “Fundamentos da Psicologia Analítica”. Volume XVIII/1.

1935 – “O Que é Psicoterapia?”. Volume XVI.

1935 – “Discursos nos Congressos de Psicoterapia (Bad Nauheim, Copenhague, Oxford)”. Volume X.

1935 até 1938 – Olga Fröbe colecionou o Arquivo fotográfico de Eranos.

30 set. até 4 out. 1935 – Jung proferiu as conferências Tavistock em Londres (total de cinco), no Instituto de Psicologia Médica (The Institute of Medical Psychology – mais tarde The Tavistock Clinic), patrocínio de Analytical Psychology Club.

1935 – Jung construiu um pátio e a Loggia em Bollingen.

1935 – Publicado o volume comemorativo do 60° aniversário de Jung. Levou o título de “Die kulturelle bedeutung der komplexem psychologie” e foi editado pelo “Clube psicológico de Zurich”.

1935 – Morte da irmã de Jung, Gertrude.

Ago. até Set. 1936 – Jung realizou sua oitava 8ª viagem aos EUA. Harvard.

Ago. até Set. 1936 – Jung proferiu conferências na comemoração do Tricentenário de Harvard sobre Artes e ciências. Harvard. Jung falou sobre “Determinantes Psicológicas do Temperamento Humano”.

Set. 1936 – Jung recebeu o título de Doutor Honoris Causa, em ciência, na Universidade de Harvard, Massachussets. Estava presente ao evento Pierre Janet.

1936 – Jung tentou reconciliar-se com Christiana Morgan durante sua visita a Harvard.

1936 – Matthias Heinrich Göring (1879-1945) torna-se co-editor do jornal da Sociedade Médica Geral para Psicoterapia.

1936 – Quarta Conferência Eranos, “Redenção e salvação no oriente e no ocidente”. Jung falou: “A redenção na Alquimia”.

1936 – J. W. Hauer foi banido de Eranos.

1936 até 1937 – Jung proferiu seminário de Inverno na Escola Técnica Federal (Eidgenössische Technische Hochschule, E.T.H.), de Zurique. “discussão de literatura antiga sobre sonhos”.

27 out. 1936 até 1937 – Jung proferiu seminário de Inverno na Escola Técnica Federal (Eidgenössische Technische Hochschule, E.T.H.), de Zurique. “primeira parte do seminário sobre sonhos de crianças”.

21 ago. 1936 – Jung começou sua viagem para Nova Iorque embarcando no navio Georgic, no porto de Le Havre.

30 ago. 1936 – Jung chega em Nova Iorque.

12 set. até 15 set. 1936 – Jung proferiu conferência no The American Way, em Providence, Rhode Island, convidado pelo bispo anglicano James de Wolf Perry.

15 set. 19 set. 1936 – Jung ficou hospedado em Milton, Massachusetts, na residência do casal Elizabeth e G. Stanley Cobb.

16 set. até 18 set. 1936 – Jung proferiu conferências em Nova Iorque.

20 set. até 25 set. 1936 – Jung proferiu conferências na ilha de Bailey, no Maine. “Símbolos Oníricos do Processo de Individuação”. Convidado por Esther Harding, Eleanor Bertine, Kristine Mann e Beatrice Hinkle.

14 out. 1936 – Jung proferiu conferência na Clínica Tavistock. Londres. “Psicologia e Problemas Nacionais.”

19 out. 1936 – Jung proferiu conferência na Sociedade Abernethiana no Saint Bartholomeu’s Hospital. Londres. “O Conceito de Inconsciente Coletivo”.

25 out. e 26 out. 1936 – Inauguração do Clube de Psicologia Analítica em Nova Iorque. Presentes Harding, Bertine e Mann.

1936 – “Wotan”. Volume X.

1936 – “O Ioga e o Ocidente”. Volume XI.

1936 – “O Conceito de Inconsciente Coletivo”. Volume IX/1.

1936 – “Tipologia Psicológica”. Volume VI.

1936 – “Psicologia e Problemas Nacionais”. Volume XVIII/2.

1936 – “Resenha a A Prática da Psicoterapia de G. R. Heyer”. Volume XVIII/2.

1936 – “Sobre o Rosarium Philosophorum”. Volume XVIII/2.

1936 – “O Arquétipo, com referência especial ao conceito de Anima”. Volume IX/1.

05 jun. e 16 jun. 1937 – Jung proferiu conferência no Clube de Psicologia, Zurique. “Rosarium Philosophorum”.

1937 – Jung teve contato inicial com Aniela Jaffé. Início da análise.

Ago. 1937 – Quinta Conferência Eranos, “Redenção e salvação no oriente e no ocidente”. Jung falou: “As visões de Zózimo”.

1937 – 9º Congresso da Sociedade Médica Internacional de Psicoterapia, Kopenhague.

Set. 1937 – Encontro de Mussolini com Hitler em Berlin.

Out. 1937 – Jung esteve pela nona 9ª e última vez nos EUA.

15 out até 17 out. 1937 – Jung proferiu o início do seminário de Interpretação de Sonhos e Símbolos, em Nova Iorque, Bailey Island.

20 out. até 22 out. 1937 – Jung proferiu as conferências Terry (Terry Lectures 15ª series), em New Haven, na Yale University (Connecticti), sobre “Palestras sobre Religião a luz da ciência e da filosofia” ou “Psicologia aplicada à religião”. Tema: “A natural religiosidade da alma”.

24 out. 1937 – Jung proferiu uma palestra na United Church de bridgeport.

25 out e 26 out. 1937 – Jung proferiu a continuação do seminário de Interpretação de Sonhos e Símbolos, em Nova Iorque, Bailey Island.

1937 – Jung encontrou-se com Joseph B. Rhine (1895-1980).

1937 – “Sobre o Diagnóstico Psicológico da Ocorrência”. Volume II.

1937 – “Determinantes Psicológicas do Comportamento Humano”. Volume VIII.

04 dez. 1937 até 1938 – Jung viajou para a Índia, convidado pelo governo britânico, com Fowler McCormick, para o 25º Aniversário da Universidade de Calcutá, patrocinado pela Sociedade de Ciências da Índia.

04 dez. 1937 – Jung saiu de Marselha, rota do Suez, com destino à Índia e ao Ceilão.

16 dez. 1937 – Jung chegou em Bombain, Índia.

Dez. 1937 – Cidades visitadas na Índia: Bombaim, Deli, Ellora, Ajanta, Sanchi, Agra, Allahabad, Benares e Calcutá. Konarak, Madras, Mysore, Trivandeum, Madura. Passaram no Ceilão (atualmente Sri Lanka) e na volta Columbo e Kandy.

07 jan. 1938 – Jung recebeu os títulos de Doutor Honoris Causa da Universidade de Calcutá, Benares e Allahabad, Índia.

1938 – Sonho na Índia; estava na Ilha do Castelo do Graal. (MSR pág. 246)

Fev. 1938 – Jung retornou à Suíça.

12 mar. 1938 – Invasão da Áustria pelos alemães.

1938 – Burrhus F. Skinner (1904-1990) publica o resumo dos resultados das investigações sobre o condicionamento operante, “O Comportamento dos Organismos”.

06 jun. 1938 – Chegada de Freud à Londres.

29 jul. até 02 ago. 1938 – 10º Congresso Médico Internacional de Psicoterapia. Oxford.

1938 – Jung leu o “Theatrum Chemicum”, 1602, que contém escritos de Gerardus Dorneus.

29 jul. até 02 ago. 1938 – Jung foi presidente do 10º Congresso Internacional de Psicoterapia, em Oxford (Inglaterra).

1938 – Jung recebeu o título de Doutor Honoris Causa em Oxford.

1938 – Jung recebeu Jolande Jacobi como paciente.

1938 – Jung recebeu o título de Membro da Real Sociedade de Medicina.

01 ago. 1938 – Telegrama de Jung à Freud. Último contato.

15 nov. 1938 até 07 mar. 1939 – Jung proferiu seminário de Inverno na Escola Técnica Federal (Eidgenössische Technische Hochschule, E.T.H.), de Zurique. “segunda parte do seminário sobre sonhos de crianças”.

1938 – Sexta Conferência Eranos, “A grande mãe”. Jung falou: “Psicologia do Arquétipo Materno”.

Out. 1938 – Diplomação de Jolandi Jacobi em psicologia.

Out. 1938 – Jolandi Jacobi vai para Zurique.

1938 – “Psicologia e Religião”. Volume XI.

1938 – “Aspectos Psicológicos do Arquétipo Materno”. Volume IX/1.

1938 – “As Visões de Zósimo”. Volume XIII.

28 out. 1938 até 09 jun. 1939 – Jung proferiu Seminário na Escola Técnica Federal (Eidgenössische Technische Hochschule, E.T.H.), de Zurique. O Processo de individuação em textos orientais. Sobre Budismo e Yoga Tantrica. Na ocasião falou sobre o sonho – “não saia atravesse”.

04 abr. 1939 – Reunião Anual da Royal Society of Medicine, em Londres.

04 abr. 1939 – Jung falou sobre: “A Psicogênese da Esquizofrenia”.

05 abr. 1939 – Jung proferiu conferência “A Vida Simbólica”, no seminário do Guild of Pastoral Psychology, Real Sociedade de Medicina, em Londres.

15 maio 1939 – Jung foi eleito membro Honorário da Sociedade Real de Medicina, Londres.

16 jun. 1939 até 08 mar. 1940 – Jung proferiu o seminário na Escola Técnica Federal (Eidgenössische Technische Hochschule, E.T.H.), de Zurique. “Exercícios espirituais de Inácio de Loyola.”

1939 – Sétima Conferência Eranos, “Simbolismo do renascimento”. Jung falou: “Diferentes Aspectos do Renascimento.” Compareceram Paul e Mary Mellon (1904-1946).

Jul. 1939 – Jung pediu demissão do cargo de presidente da Sociedade Médica Geral Internacional para psicoterapia, que só foi efetivada um ano depois.

01 set. 1939 – Começo da 2ª Guerra Mundial.

23 set. 1939 – Morre Sigmund Freud.

1939 – “O que a Índia nos pode ensinar”. Volume X.

1939 – “A Psicogênese da Esquizofrenia”. Volume III.

1939 – Prefácio à obra de Jung, publicada em francês, com o título de “Phènomènes Occultes”. Volume XVIII/1.

1939 – “Consciência, Inconsciente e Individuação”. Volume IX/1.

1939 – “A Índia – um mundo de Sonhos”. Volume X.

1939 – “Prefácio à obra de Suzuki, A Grande libertação”. Volume XI.

1939 – “A Vida Simbólica”. Volume XVIII/1.

1939 – “Sigmund Freud: necrológico”. Volume XV.

13 out. 1939 até 05 mar. 1940 – Jung proferiu seminário de Inverno na Escola Técnica Federal (Eidgenössische Technische Hochschule, E.T.H.), de Zurique. “terceira parte do seminário sobre sonhos de crianças”.

31 out. 1939 – Morreu Otto Rank.

1940 – Sonho da casa. O pai cuidava de peixes. A mãe recebia casal de mortos. Em outra sala uma orquestra. (MSR Pág. 187)

1940 – Jung falou pela primeira vez no sonho do falo, ocorrido quando tinha 6 anos.

29 out. 1940 até 10 dez. 1940 – Jung proferiu seminário de Inverno na Escola Técnica Federal (Eidgenössische Technische Hochschule, E.T.H.), de Zurique. “quarta parte do seminário sobre sonhos de crianças”.

08 nov. 1940 até 28 fev. 1941 – Jung realizou a primeira parte do seminário: “Processo de Individuação na Alquimia”.

1940 – Conferência Eranos, “Trindade, cristianismo, gnoses”. Jung falou: “Uma abordagem psicológica do Dogma da Trindade”. Não é considerada uma conferência oficial devido à possível invasão da Suíça.

1940 – Conferência do matemático Andreas Speiser, “A doutrina platônica do Deus desconhecido e a Trindade cristã.”

1940 – Planejamento das Obras Completas.

1940 – “Sobre o livro Psicologia e Religião”. Volume XI.

1940 – “A Psicologia do Arquétipo da Criança”. Volume IX/1.

1940 – “Sobre a Renascimento”. Volume IX/1.

02 maio 1941 até 11 jul. 1941 – Jung realizou a segunda parte do seminário: “Processo de Individuação na Alquimia”.

Jul. 1941 – Assassinato de Sabina Spielrein e suas duas filhas pelos alemães.

1941 – Oitava Conferência Eranos, “Trindade, cristianismo, gnoses”. Jung falou: “O símbolo da transformação na Missa.” Primeiro ano de comparecimento de Karl Kerenyi.

07 set. 1941 – Jung proferiu conferência pelos 400 anos da morte de Paracelso, na Basiléia. “Paracelso, o médico.” Durante a reunião da Sociedade de Pesquisadores de História natural, na Sociedade Suíça de Medicina e Ciências Naturais.

05 out. 1941 – Jung proferiu conferência pelos 400 anos da morte de Paracelso, em Einsiedeln. “Paracelso como fenômeno espiritual.”

1941 – “Aspectos psicológicos da Core”. Volume IX/1.

1941 – “Retorno à vida simples”. Volume XVIII/2.

1941 – “Paracelso, o Médico”. Volume XV.

06 jan. 1942 – Criada a Fundação Bollingen em Nova Iorque e Washington, com Mary Mellon na presidência. Participa Heinrich Zimmer e Edgar Wind.

1942 – Jung demitiu-se do cargo de professor na Escola Técnica Federal (Eidgenössische Technische Hochschule, E.T.H.), de Zurique.

1942 – Jung participou da tentativa de paz elaborada por autoridades suíças.

1942 – “Paracelso como um fenômeno espiritual”. Volume XIII.

1942 – “Prefácio a Escritos sobre Paracelso”. Volume XIII.

1942 – “Tentativa de interpretação Psicológica do Dogma da Trindade”. Volume XI.

1942 – “O bem-dotado”. Volume XVII.

1942 – “O Símbolo da Transformação na Missa”. Volume XI.

1942 – Nona 09° Conferência Eranos, “O hermético”. Jung falou: “O espírito Mercurius ou O Princípio Hermético em Psicologia, Gnose e Alquimia”.

1942 – Carl Rogers (1902-1987) apresenta os fundamentos da concepção humanista de terapia.

1942 até 1948 – Jung criou um ambulatório de psicoterapia (Instituto de Ensino de Psicoterapia da Universidade de Zürich), com 09 psicanalistas, na Universidade, em Zurique. A tentativa de integração não foi adiante.

04 dez. 1942 – Jung proferiu conferência no Sínodo Escolar, na Basiléia.

1943 – Jung foi eleito membro Honorário da Academia Suíça de Ciências.

1943 – Jung foi nomeado para a cátedra de Psicologia Clínica na Faculdade de Medicina de Basiléia.

1943 – “Psicoterapia e visão de mundo”. Volume XVI.

1943 – “Considerações em torno da Psicologia da Meditação Oriental”. Volume XI.

1943 – “De uma carta a um Teólogo Protestante”. Volume XI.

1943 – “O Espírito Mercúrio”. Volume XIII.

1943 – “O Homem Moderno em busca da uma Alma”. Livro publicado na França.

1943 – Décima 10° Conferência Eranos, “O sol e a luz”. Jung foi a Eranos, mas não proferiu conferência.

18 mar. 1943 – Morreu Heinrich Zimmer (1890-1943).

30 jul. 1943 – Morreu Max Eitingon (1881-1943).

06 set. 1943 – Morreu Helton Godwin (Peter) Baynes (1882-1943).

11 fev. 1944 – Jung fraturou o pé.

21 fev. 1944 – Jung sofre um enfarto do miocárdio.

04 abr. 1944 – Jung recuperou-se. Sentou na cama e seu médico Theodor Schindler Haemmerli morreu.

20 jul. 1944 – Atentado fracassado contra Hitler.

Final jun. 1944 – Jung teve alta do hospital.

1944 – Jung pediu demissão da cátedra de Psicologia Clínica, na Faculdade de Medicina de Basiléia, por motivo de saúde.

1944 – Décima primeira 11ª Conferência Eranos, “Os mistérios”. Jung não comparece.

1944 – Sonho ou visão do globo terrestre. (MSR Pág. 253)

1944 – Sonho ou visão da capela com o iogue. (MSR Pág. 280)

1944 – “Psicologia e Alquimia”. Volume XII. Terminada em jan. 1943. (Livro elaborado em 1935/1936).

1944 – “O Santo Hindu”. Volume XI.

09 jun. 1945 – Jung faz conferência no Clube de Psicologia de Zurique.

Jul. 1945 – Jung recebeu o título de Doutor Honoris Causa da Universidade de Genebra.

Ago. 1945 – Início da correspondência entre Jung e o padre dominicano inglês Victor White.

1945 – Jung proferiu conferência pública em Zurique sobre o livro de Gérard de Nerval, “Aurélia”.

1945 – Jung foi eleito Presidente do Conselho da recém fundada “Schweizerischen Gesellschaft für Praktische Psychologie”.

1945 – Descoberta da biblioteca de Nag Hammadi.

1945 – Décima segunda 12ª Conferência Eranos, “O arquétipo: homenagem a Jung”.

1945 – Décima terceira 13° Conferência Eranos, “O Espírito”. Jung falou: “A Fenomenologia do Espírito no Conto de Fadas.”

1945 – Criação da Fundação Bollingen.

1945 – “Depois da Catástrofe”. Volume X.

1945 – “A Árvore Filosófica”. Volume XIII.

1945 – “Notas Marginais sobre a história contemporânea”. Volume XVIII/2.

1945 – “Medicina e Psicoterapia”. Volume XVI.

1945 – “Psicoterapia e Atualidade”. Volume XVI.

1945 – “Da Essência dos Sonhos”. Volume VIII.

19 ago. 1945 – Final da Segunda Guerra Mundial. Terminou em maio na Europa.

Nov. 1945 – Suicídio de Kristine Mann.

18 jun. 1946 – Jung foi entrevistado pela BBC por John B. Priestley.

23 ago. 1946 – Visita de Winston Churchill a Suíça.

11 out. 1946 – Morte de Mary Conover Mellon (aos 42 anos).

1946 – “A Psicologia da transferência”. Volume XVI.

1946 – “A Luta com as Sombras”. Volume X.

1946 – “Prefácio e posfácio a Ensaio sobre História Contemporânea”. Volume X.

1946 – “Prefácio a um catálogo de Alquimia”. Volume XVIII/2.

1946 – “A fenomenologia do Espírito no conto de fada”. Volume IX/1.

1946 – Décima Quarta 14 Conferência Eranos, “Espírito e natureza”. Jung falou: “O espírito da psicologia”. Uma das melhores de Jung (B. H. pág. 303)

Out. 1946 – Fritz Verzár (1886-1979) escreveu à Jung sobre a pena de morte.

03 nov. 1946 – Jung teve um segundo infarto cardíaco.

17 dez. 1946 – Sonho do diamante azulado. (Cartas Vol. II, Pág. 55)

10 jan. 1947 – Morre Hanns Sachs.

1947 – “Considerações teóricas sobre a natureza do psíquico”. Volume VIII.

1947 – Alberto Moravia visitou Jung.

1947 – Jung fica mais tempo em Bollingen.

1947 – Aniela Jaffé torna-se secretária do núcleo do Instituto C. G. Jung.

1947 – Décima quinta 15° Conferência Eranos, “O homem”. Jung não vai a Eranos pela segunda vez.

25 ago. 1947 – Assinado acordo de publicação das O C em alemão e em inglês.

18 dez. 1947 – Sonho dos três padres católicos. (Cartas Vol. II, Pág. 86 e 97)

1948 – “Alquimia e Psicologia”. Volume XVIII/2.

1948 – Prefácio à obra de Stewart Edward White, “O universo livre”. Volume XVIII/1.

1948 – “Técnicas de mudança de atitude a serviço da paz mundial”. Volume XVIII/2.

1948 – Jung começou a estudar William Blake.

24 abr. 1948 – Fundação do Instituto C. G. Jung em Zurique, na Germeindestrasse, 27. A palestra inaugural foi de Jung.

1948 – Décima Sexta 16ª Conferência Eranos, “O homem”. Jung falou: “Sobre o Si-mesmo”.

1948 – Primeira conferência de Eric Neumann em Eranos. “O homem místico”. No total foram 14.

1949 – “Fausto e a Alquimia”. Volume XVIII/2.

1949 – Teoria da Informação de Claude Elwood Shannon (1916-2001) e Warren Weaver (1894-1978).

04 jul. 1949 – Jung proferiu conferência sobre mandalas, em Hurden, Suíça.

1949 – Décima sétima 17° Conferência Eranos, “O homem e o mítico”. Jung não faz conferência.

08 out. 1949 – Jung proferiu conferência no Clube de Psicologia de Zurique, “Fausto e a Alquimia”.

Out. 1949 – Emma quebra o braço.

1949 – Jung tem uma síncope quando vai comprar uma passagem para Roma.

Nov. 1949 – Jung apresenta febre gástrica. Também ficou doente a secretária Marie-Jeanne Schmid.

1949 – Primeiro prêmio Bollingen de poesia vai para Ezra Pound. ‘Dá o maior bode’.

1950 – “Prefácio ao I Ching”. Volume XI.

1950 – “Sincronicidade: um princípio de conexões acausais”. Volume VIII.

1950 – Resposta a um questionário sobre mudança de sexo. Volume XVIII/1.

1950 – Prefácio à obra de Fanny Moser, “Fantasma: heresia ou dogma?”. Volume XVIII/1.

1950 – “O Simbolismo da Mandala”. Volume IX/1.

1950 – Décima oitava 18° Conferência Eranos, “As imagens primordiais: homenagem a Jung”. Jung não faz conferência.

1950 – Décima nona 19° Conferência Eranos, “Homem e rito”. Jung não faz conferência.

1950 – Mircea Eliade encontrou pela primeira vez com Jung. Foi no “Círculo Eranos”, em Ascona.

1950 – Jung é afastamento das atividades médicas.

1950 – Jung esculpiu um monumento de pedra com 03 lados (Villeneuve – Cabiro – órfã). A pedra está no jardim em Bollingen.

1950 – Jung esculpiu o trapaceiro na parede oeste em Bolligen.

1950 até 1952 – Jung constituiu um grupo para estudar e pesquisar astrologia e um pouco de Tarot. Entre outros: Sabina Tauber, Hanni Binder, Mary Elliot, e Gret Baumann-Jung (sua filha).

1950 – Morre Albert Oeri. Nascido em 1875 e amigo de infância de Jung.

1950 – Sonho do pai como guardião da casa. Duendes do lado de fora. (MSR Pág. 191)

Abr. 1951 – Jung tem uma doença febril ou uma gastrite febril e escreve “Resposta a Jó”.

1951 – Vigésima 20ª Conferência Eranos, “Homem e tempo”. Jung falou: “Da Sincronicidade”. Última das 14 conferências de Jung.

01 nov. 1950 – O vaticano publica o Dogma da Assunção da Beata Virgem Maria, na Bula Papal, Magnificentissimus Deus. O papa é Pio XII.

1951 – “Aion: estudos sobre o Simbolismo do Si-mesmo”. Volume IX/2.

1951 – “A Sincronicidade”. Volume VIII.

1951 – “Questões básicas da psicoterapia”. Volume XVI.

1951 – “Sobre o livro resposta a Jó”. Volume XI.

1952 – Vigésima primeira 21 Conferência Eranos, “Homem e energia”.

1952 – Mircea Eliade entrevistou Jung para a revista francesa ‘Combat’. A entrevista encontra-se em: “Entrevistas e encontros”.

1952 – Jung tem uma hepatite, foi recuperar-se em Locarno. Seus médicos foram: Jakob Stahel e Ignaz Tauber.

1952 – Marie-Jeanne Schmid deixou de ser secretária de Jung. Foi casar.

17 jul. até 27 jul. 1952 – Jung discute com Victor White sobre o bem e o mal.

Set. 1952 até out. 1953 – Jung teve como secretária a inglesa Una Thomas.

1952 – Revisão de “Transformação e Símbolos da Libido”.

1952 – “Resposta a Jó”. Volume XI.

1952 – “Sobre o livro, Resposta a Jó”. Volume XI.

1952 – “Prefácio ao livro de V. White, Deus e o Inconsciente”. Volume XI.

1952 – “Prefácio ao livro de Werblowsky, Lúcifer e Prometeu”. Volume XI.

1952 – Prefácio ao livro de John Custance, “Sabedoria, loucura e insensatez. Filosofia de um lunático”. Volume XVIII/1.

1952 – “Texto resumido sobre a primeira edição de Resposta a Jó”. Volume XI.

1952 – “Resposta a Martin Buber”. Volume XI.

Fev. 1953 – Sonho sobre o Hades. (Cartas Vol. II, Pág. 288)

21 mar. 1953 – Morre Toni Wolff.

1953 – Vigésima segunda 22° Conferência Eranos, “Homem e terra”. Encontro de Ira Progoff com D.T. Suzuki.

1953 – Mircea Eliade realizou 05 conferências no Instituto Jung de Zurique, de 02 horas cada.

1953 – “Sobre o problema do Símbolo de Cristo”. Volume XI.

1953 – Prefácio ao livro de John Weir Perry, “O Self no processo psicótico”. Volume XVIII/1.

1953 – Primeiro volume das Obras completas na tradução inglesa de R. F. C. Hull, pela série Bollingen.

15 nov. 1953 – Jung recebeu o pergaminho intitulado “Códice Jung”, em Rüden.

Final de 1953 até final 1955 – Jung teve como secretária Doris Gautschy.

1954 – Jean Piaget (1896-1980) publica “A Construção do Real na Criança”, centrado no desenvolvimento cognitivo.

20 jul. até 24 jul. 1954 – Congresso Internacional de Psicoterapia, em Zurique.

1954 – Joseph Campbell e esposa estiveram com Jung e Emma em Bolligen.

1954 – “A Psicologia da figura do Trickster”. Volume IX/1.

1954 – “Comentário Psicológico sobre o livro Tibetano da grande libertação”. Volume XI.

1955 – Jung foi agraciado com o título de Doutor Honoris Causa da Escola Técnica Federal (Eidgenössische Technische Hochschule, E.T.H.), de Zurique.

1955 – Congresso Internacional de Psiquiatria, em Zurique.

1955 – Aniela Jaffé passou a ser secretária de Jung.

1955 até 1956 – Jung esculpiu em 03 lápides os nomes dos antepassados paternos em sua casa de pedra, em Bollingen.

1955 – Aparece publicado na revista DU a mandala de Jung, intitulada Mundiototius, que está no anexo A, sem conter o nome do autor.

02 jul. 1955 – Jung teve alta hospitalar onde foi fazer uma cirurgia de próstata.

1955 – “Sobre o livro Die Reden Gotamo Buddhos”. Volume XI.

1955 – Prefácio ao livro de Gustav Schmaltz, “Psicologia complexa e sintomas físicos”. Volume XVIII/1.

1955 – “Mandalas”. Volume IX/1.

1955/1956 – “Mysterium Coniunctionis”. Volume XIV. Início da elaboração 1944.

27 nov. 1955 – Morte de sua mulher Emma.

Dez. 1955 até 06 jun 1961 – Ruth Bailey vai ser uma espécie de governanta de Jung.

1956 – Sonho ou imaginação com a esposa. (MSR Pág. 258)

1956 – “Prefácio para uma revista indiana de Psicoterapia”. Volume XVIII/2.

1956 – Jung aumentou um andar na parte central da sua casa de pedra, em Bollingen.

1956 – Jung proferiu palestras para jovens médicos do hospital Burghölzli.

Maio 1956 – Gerhard Adler visitou Jung e o convenceu de publicar suas cartas.

Set. 1956 – Jung começou as entrevistas com Aniela Jaffé para o livro “Memória, Sonhos, Reflexões”.

Verão 1956 – Kurt Wolff falou pela primeira vez sobre o livro biográfico de Jung, em Ascona, reunião Eranos.

05 ago. até 08 ago. 1957 – Jung concedeu quatro (04) entrevistas filmadas para Richard I. Evans, professor de psicologia da Universidade de Houston, Texas.

25 out. 1957 – Firmado contrato com Kurt Wolff e Aniela Jaffé para a confecção de “C. G. Jung: Memórias Improvisadas”.

1957 – “Presente e Futuro”. Volume X.

1957 – “A Função Transcendente”. Ano da publicação. Volume VIII.

1957 – “Novas considerações sobre a Esquizofrenia”. Volume III.

10 jan. 1958 – Jung começou a escrever partes de sua auto biografia.

11 fev. 1958 – Morre Ernest Jones.

Jun. 1958 – White visitou Jung brevemente em Küsnacht. Essa foi a ultima vez que eles se encontraram.

10 ago. 1958 – 1º Congresso Internacional de Psicologia Analítica, em Zurique.

1958 – Jung proferiu palestra no Clube de Psicologia da Basiléia.

1958 – Primeiro volume da edição das “Obras completas” em alemão.

1958 – “Um mito moderno: sobre coisas vistas no céu”.Volume X.

1958 – Prefácio à obra de Aniela Jaffé, “Fenômenos fantasmagóricos e indefinidos. Uma interpretação psicológica”. Volume XVIII/1.

1958 – “A Esquizofrenia”. Volume III.

1958 – “A Consciência na visão Psicológica”. Volume X.

Out 1958 – Sonho com os UFOs. Nós somos as projeções dos UFOs. (MSR Pág. 279).

28 fev. 1959 – Jung encontrou com Miguel Serrano em Locarno.

05 maio 1959 – Jung encontrou com Miguel Serrano em Künascht.

1959 – “Sobre desenhos no diagnóstico Psiquiátrico”. Volume XVIII/2.

1959 – “O Bem e o Mal na Psicologia Analítica”. Volume XI.

1959 – “Prólogo aos Estudos sobre a Psicologia de C. G. Jung, de Toni Wolff”. Volume X.

22 out. 1959 – Jung foi entrevistado pelo programa ‘Face a Face’ da BBC (British Broadcasting Corporation), com John Freeman.

Nov. 1959 – Sonho sobre o livro “O homem e seus símbolos”. (O homem e seus símbolos, Pág. 10 – introdução)

Jan. 1960 – Jung sofreu um terceiro enfarte.

Fev. 1960 – Jung sofreu uma embolia.

22 mar. 1960 – Morre o padre Victor White.

Jul. 1960 – Jung recebe o título de “Cidadão honorário de Küsnacht”.

Jul. 1960 – Sonho sobre “a outra Bollingen”. (D. Bair, vol. 2, Cap. 39, Pág. 337).

Nov. 1960 – Sonho sobre o chefe primitivo e o javali. (Cartas Vol. III, Pág. 300).

1960 – “Carta a The Listener”. Volume XI.

23 jan. 1961 – Jung encontrou com Miguel Serrano em Küsnacht.

20 mar. 1961 – Jung sofreu pequenos enfartes.

07 maio 1961 – Termina, o Ensaio “Símbolos e interpretação dos sonhos” para o livro “O Homem e seus Símbolos”. Volume XVIII/1.

10 maio 1961 – Jung encontrou com Miguel Serrano em Küsnacht.

17 maio 1961 – Jung teve uma embolia pulmonar.

30 maio 1961 – Jung teve uma apoplexia.

Jun. 1961 – Último sonho. (Livro do Miguel Serrano, O Círculo Hermético, Pág. 121)

06 jun. 1961 – Jung morre em sua casa de Küsnacht, Zürich, Suíça.

09 jun. 1961 – São realizados os serviços fúnebres e o sepultamento de Jung, em Küsnacht.

1961 – Edição inglesa de Memórias, Sonhos, Reflexões (Memories, Dreams, Reflections).

Jan. 1962 – O comitê das cartas, composto por Marianne Niehus-Jung, Gerhard Adler e Aniela Jaffé, começou a elaborar os 03 volumes das cartas de Jung.

1962 – Morre Olga Fröbe-Kapteyn.

1963 – Morre Kurt Wolff (1887-1963).

1964 – Edição inglesa de “O Homem e seus Símbolos”.

15 mar. 1965 – Morre Marianne Niehus-Jung, filha de Jung.

1970 – Encontro em Londres de Franz Jung e Ernst Freud, filhos de Jung e Freud, onde autorizam a publicação das cartas entre seus pais.

1970 – O “Instituto C. G. Jung” mudou-se da Germeindestrasse para a casa no lago (perto da de Jung) que pertenceu ao escritor suíço Conrad Ferdinand Meyer.

1971 – “Cartas I”, período de 1906-1950.

1971 – Morre Mary Esther Harding.

1973 – Morre Jolande Szejacs Jacobi

1974 – Publicada correspondência entre Jung-Freud.

1974 – Morre R. F. C. Hull.

1975 – Edição brasileira de Memórias, Sonhos, Reflexões.

1976 – “Cartas II”, período de 1951-1961.

Out. 1977 – Descoberto em Genebra, no Palais Wilson, os documentos de Sabina Spielrein.

1981 – C. A. Meier entrega os documentos Honegger para o ETH de Zürich. Estava com ele desde 1930.

1982 – Aldo Carotenuto publica um livro sobre Sabina Spilrein, “Diário de uma Secreta Simetria”.

1983 – Morris West publica o livro “O mundo é feito de vidro”, uma ficção sobre um caso narrado em MSR, página 114, 3ª edição, no qual romantiza a relação de Jung com Toni Wolff.

1988 – Quinquagésima sétima 57° Conferência Eranos. A última de uma série que ficou para a história.

1990 – O editor William McGuire pediu e recebeu uma cópia do ETH dos documentos Honegger. Os documentos continuam no ETH e disponível para estudiosos.

17 fev. 1998 – Morre Marie-Louise von Franz (Malus)

Jul. 2007 – Publicado as cartas entre Victor White e C. G. Jung.

Out. 2009 – Publicado em inglês o “Red Book – Liber Novus”.

Jul. 2010 – Publicado em português o “Red Book – Liber Novus”.